Airbnb lança selo “Preferidos dos Hóspedes” e mira na confiança do usuário

Plataforma global de hospedagens apresenta novidades no sistema de avaliações e melhorias nos anúncios; Brasil é maior mercado da empresa na América Latina

Flat com vista para as estrelas em Ilhabela (SP) listado no Airbnb com o selo "Preferidos dos Hóspedes"
Flat com vista para as estrelas em Ilhabela (SP) listado no Airbnb com o selo "Preferidos dos Hóspedes" Divulgação

Saulo Tafarelodo Viagem & Gastronomia São Paulo, SP

A partir desta quarta-feira (8) o Airbnb lança uma série de novidades em sua plataforma que tem como objetivo aumentar a confiabilidade das hospedagens e facilitar a experiência dos hóspedes e dos anfitriões.

A maior novidade fica por conta do “Preferidos dos Hóspedes”, selo que distingue as acomodações que mais fazem sucesso na plataforma com base em avaliações, comentários e dados sobre confiabilidade.

Das mais de 7 milhões de acomodações em 220 países anunciadas no Airbnb, cerca de 2 milhões têm o selo. Para obter a distinção a acomodação precisa ter avaliação média acima de 4,9 estrelas, assim como deve ter 1% de média de cancelamentos feitos por anfitriões e reclamações quanto à qualidade do local.

Segundo Catherine Powell, Diretora Global de Hospedagem do Airbnb, cerca de 100 avaliações de 5 estrelas são deixadas por minuto na plataforma, o que torna a nova ferramenta dinâmica. No total, a plataforma recebeu mais de 371 milhões de avaliações e registrou um número aproximado de 500 milhões de viagens desde seus primórdios.

“Para nós, o mais importante com este lançamento é destacar nossas propriedades mais amadas. São acomodações que daremos um selo que sinalizará rapidamente para os hóspedes que aquela é uma excelente propriedade, que possui excelentes comentários, notas altas e um anfitrião confiável. Ou seja, você terá uma boa estadia e, com isso, voltará”, diz Powell.

Demonstração do "Preferidos dos Hóspedes" do Airbnb
Selo de “Preferido dos Hóspedes” é novidade da nova atualização do Airbnb / Divulgação

Para obter notas altas, entram em conta a facilidade de check-in, limpeza, exatidão do anúncio, comunicação com o anfitrião, localização e custo-benefício. As propriedades listadas como “Preferidos dos Hóspedes” podem ser procuradas por um filtro e a novidade não substitui o selo de Superhost, que qualifica anfitriões exemplares.

Segundo o Airbnb, o Brasil é um dos 10 países e regiões com a maior porcentagem de anúncios com o novo selo. A lista inclui: Irlanda, Nova Zelândia, Canadá, Aruba, EUA, Porto Rico, Polinésia Francesa, Islândia, Reino Unido e Brasil. No país, 55% dos anúncios “Preferidos dos Hóspedes” são acomodações de anfitriãs mulheres.

Avaliações, comentários e anúncios repaginados

Demonstração dos comentários e avaliações no Airbnb
Seção de avaliações e comentários foi repaginada com direito a novos recursos / Divulgação

Como parte da confiabilidade da plataforma, a página de avaliações com os comentários de uma acomodação foi repaginada com novos recursos.

“Quando falamos de confiabilidade estamos falando da expectativa sobre o que é ficar em um Airbnb. A base da confiança são as avaliações. Elas devem ser compreensíveis, precisas, não podem ser falsas, e devem ser deixadas entre um hóspede verificado e um anfitrião verificado a partir de uma reserva verificada”, afirma Catherine Powell.

Agora um gráfico mostra a distribuição das avaliações de 1 a 5 estrelas para que os hóspedes possam conferir a quantidade de avaliações positivas e negativas, assim como podem classificar os comentários por data mais recente ou por nota da avaliação.

Além disso, os comentários vêm com informações sobre a estadia do outro hóspede, como a duração da hospedagem e se viajou com a família ou pets, assim como mostram a cidade de origem de quem deixou o comentário.

Mudanças para anfitriões

Segundo a plataforma, anúncios com mais detalhes e informações tem até 20% mais chances de reservas. Mas Catherine faz um “mea-culpa”.

“Não tornamos a vida fácil para os anfitriões na hora de adicionar as amenidades ou fotos das propriedades, então é nisso que estamos trabalhando também”, expõe a Diretora Global de Hospedagens.

A nova aba Anúncios facilita a edição e destaca detalhes das acomodações. Além da interface reformulada, os anfitriões podem criar instantaneamente um tour por fotos gerado por inteligência artificial, em que as imagens são divididas por cômodo para ajudar os hóspedes a entender o layout da acomodação.

Os anfitriões poderão ainda comparar seus preços com os de anúncios similares da região e os valores definidos passam a incluir taxas de serviço com o valor que os hóspedes pagam.

Airbnb x Hotel

Casa da Mônica da plataforma Airbnb
Casa da Mônica em São Pedro (SP) ficou disponível no Airbnb em comemoração aos 60 anos da personagem / Maira Acayaba

A questão da confiabilidade é o que leva hóspedes a escolherem um hotel ao invés de um Airbnb. É o que mostra uma pesquisa feita com usuários não familiarizados com a plataforma conduzida pela própria empresa.

“Uma das comparações com hotéis é que os hóspedes sabem exatamente o que vão encontrar. Todos os quartos são os mesmos, eles sabem os formatos, sabem que vão ter uma recepção, um concierge”, diz Catherine Powell. “Se você é um hóspede que não está familiarizado com o Airbnb, é difícil saber como achar o local ideal para você. Isso é o que ouvimos: eles falam sobre confiabilidade porque não sabem o que esperar”.

A relação com o Airbnb é diferente. É uma relação muito mais pessoal do que quando você fica em um hotel. E para as pessoas que são novas na plataforma nós continuamos explicando isso

Catherine Powell

Assim, além das novidades, a plataforma bate na tecla das hospedagens únicas. Fazem parte dos exemplos as ações com a casa da personagem Mônica, a casa de Shrek para o Halloween, a mansão da Barbie na época do lançamento do filme ou até o anúncio do aluguel da casa do cantor Alceu Valença em Olinda.

“Tivemos 1 milhão de novas propriedades listadas em nossa plataforma neste ano e temos novos hóspedes vindo para o Airbnb o tempo todo. Hotéis existem desde muito tempo e são muito uniformes, mas essas 1 milhão de novas propriedades são únicas e é por conta dessa singularidade que temos que manter explicando, educando e ajudando as pessoas a entenderem que podem anfitriões”, defende Powell.

Tendências brasileiras

O Brasil continua a ser o maior mercado do Airbnb na América Latina em termos de anfitriões e anúncios, assim como é o maior mercado de origem de hóspedes, de acordo com dados da plataforma.

Segundo Catherine Powell, uma das tendências importantes do mercado brasileiro é a modalidade de viagem em família, que aumentou mais de 130% em 2022 desde o início da pandemia.

No ano passado, as diárias domésticas pelo Airbnb quase dobraram em comparação a 2021, com aumento de 95%. “Uma das consequências é que os brasileiros estão descobrindo novas cidades e destinos”, cita Powell. Desde 2020, mais de 600 cidades receberam uma primeira reserva no Airbnb.

“Nossa plataforma está comprometida em dispersar viagens e com o que chamamos de turismo responsável, mandando viajantes para comunidades que precisam de viagens, onde anfitriões querem ter o benefício da hospedagem. E temos visto o impacto disso no Brasil”, resume a diretora da empresa.

Para o fim de 2023,  Gramado (RS), Mairiporã (SP) e Fortaleza (CE) aparecem no pódio nos destinos em alta na plataforma. Foram levados em conta check-ins entre 1º de dezembro de 2023 e 6 de janeiro de 2024 com base em buscas feitas por hóspedes brasileiros de 1º de janeiro de 2023 a 15 de setembro de 2023.

Confira a seguir os destinos em alta para o fim do ano no Brasil: 

  • Gramado, Rio Grande do Sul
  • Mairiporã, São Paulo
  • Fortaleza, Ceará
  • Vitória, Espírito Santo
  • Amontada, Ceará
  • Maceió, Alagoas
  • Mata de São João, Bahia
  • João Pessoa, Paraíba
  • Santa Cruz Cabrália, Bahia
  • São José da Coroa Grande, Pernambuco