Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Basília Rodrigues
    Blog

    Basília Rodrigues

    Apura e explica. Adora Jornalismo e Direito. Vencedora do Troféu Mulher Imprensa e prêmios Especialistas, Na Telinha e profissionais negros mais admirados

    À CNN, Tarcísio desconversa sobre data de filiação ao PL: “Não neste momento”

    Presidente do partido, Valdemar Costa Neto, disse contar com chegada do governador entre junho e julho

    O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), afirmou à CNN, no domingo (19), que não irá “no momento” para o Partido Liberal (PL).

    “Não teremos esse movimento no momento”, respondeu Tarcísio, ao ser perguntado sobre uma possível data.

    A expectativa de dirigentes do PL era de que essa filiação ocorresse nos próximos meses. O convite foi feito, em março, pelo ex-presidente Jair Bolsonaro — que está no partido desde 2021.

    O presidente nacional do PL, Valdemar Costa Neto, disse à CNN que a data depende apenas do governador paulista. Valdemar afirmou acreditar na possibilidade de a filiação ser marcada para “junho ou talvez julho”.

    “Ele não marcou data”, reiterou Valdemar. “Significa o Bolsonaro mais forte do que nunca”, disse sobre a filiação.

    Tarcísio respondeu à CNN que não será no próximo mês.

    Aliado de Bolsonaro, que está inelegível, o governador aparece em pesquisas de intenção de votos, para 2026, como principal herdeiro do bolsonarismo.

    O Republicanos apoiou o governo Bolsonaro, mas atualmente ocupa o Ministério de Portos e Aeroportos, no governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). A entrada do partido no governo irritou os antigos aliados.

    Em 2023, o deputado Eduardo Bolsonaro (PL-SP), filho do ex-presidente da República, classificou o Republicanos de “partido de esquerda”.