Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Jussara Soares

    Jussara Soares

    Em Brasília desde 2018, está sempre de olho nos bastidores do poder. Em seus 20 anos de estrada, passou por O Globo, Estadão, Época, Veja SP e UOL

    Governo reforça campanha de doação de itens para mulheres vítimas das chuvas no RS

    Doações podem ser entregues nas mais de 10 mil agências de Correios no país

    Governo reforça campanha de doação de itens para mulheres vítimas das chuvas no RS
    Governo reforça campanha de doação de itens para mulheres vítimas das chuvas no RS

    O Ministério das Mulheres e os Correios estão reforçando o pedido de itens pessoais e de higiene femininos para as vítimas da tragédia causada pelas chuvas no Rio Grande do Sul.

    Em reunião com a ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, 40 pessoas, entre representantes do Conselho Estadual de Mulheres do Rio Grande do Sul e equipe de parlamentares, relataram a necessidade de absorventes, roupas íntimas, entre outros itens para mulheres e crianças.

    “Ouvi as demandas das mulheres do Rio Grande do Sul e elas pedem para que a gente também não esqueça de doar itens de higiene, roupa de cama, e também objetos como mamadeiras para as crianças. Essa parceria de divulgação com os Correios será muito importante para amplificar esse alerta a toda a população que está sendo solidária com o Rio Grande do Sul”, disse a ministra em vídeo.

    As doações podem ser entregues nas mais de 10 mil agências de Correios no país. A estatal também é responsável pelo transporte.

    A orientação é que, se possível, as doações sejam embaladas e identificado o tipo de material. Em Brasília, o Ministério das Mulheres também está recolhendo donativos na sede do órgão, localizado no 6º andar do Bloco C da Esplanada dos Ministérios.

    A ministra também ouviu relatos de abusos contra mulheres e crianças nos abrigo. Neste domingo (12), ela viajará ao Rio Grande do Sul para visitar os locais de acolhimento.

    A partir deste sábado (11), o Ligue 180 — Central de Atendimento à Mulher — dará prioridade às denúncias vindas das vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul.

    Para o atendimento, é preciso ligar 180 e apertar a tecla 7, que direcionará a uma equipe dedicada a acolher os relatos de violência contra as mulheres. As denúncias serão encaminhadas ao Centro de Combate à Violência Doméstica do Ministério Público do Rio Grande do Sul.

    O Ligue 180 também terá informações sobre abrigos exclusivos para mulheres e crianças. De acordo com o Ministério das Mulheres, as informações serão atualizadas de forma permanente com a equipe de atendimento.

    Além do contato telefônico pelo Ligue 180, o serviço também está disponível pelo Whatsapp, enviando uma mensagem para o número (61) 9610-0180 e pedindo para falar com uma atendente.