Cuidado, Tesla: ações da Nikola, fabricante de caminhão elétrico, disparam em NY


Paul R. La Monica, do CNN Business
11 de junho de 2020 às 10:58 | Atualizado 11 de junho de 2020 às 12:52
Caminhão da Nikola
Nikola: corrente da Tesla, fabricante de caminhões elétricos faz IPO
Foto: Divulgação/Nikola

Elon Musk e Tesla podem ter uma nova concorrência no mercado automotivo, em Wall Street e nas mídias sociais. A Nikola, uma empresa que fabrica caminhões elétricos movidos a células de combustível de hidrogênio e bateria, acabou de abrir seu capital, com suas ações mais que dobrando nos últimos dias. E o presidente da Nikola está se gabando disso no Twitter.

As ações da Nikola - o primeiro nome do famoso inventor Tesla - aumentaram mais de 120% desde que completou uma fusão com uma empresa de fachada de capital aberto chamada VectoIQ, em 3 de junho.

Leia também:
Tesla reduz preços em até 6% para impulsionar demanda na América do Norte
Fiat e Peugeot: União Europeia quer fazer concessões em acordo entre montadoras
Volkswagen deve cortar mais custos por crise da Covid-19

As ações saltaram 103% só na segunda-feira (09), embora tenham caído 22% na manhã de terça-feira (10) em negociações voláteis, juntamente com o mercado mais amplo, antes de se recuperarem, terminando o dia com um ganho de 9%.

As ações da Tesla, que também dispararam recentemente atingindo quase um novo recorde, terminaram o dia em queda de 1%.

Os ganhos meteóricos do dia 09 de junho vieram depois que o fundador e presidente executivo da Nikola, Trevor Milton, postou uma série de mensagens no Twitter divulgando pré-encomendas para o caminhão Badger da empresa. As ações subiram mais 27% na terça-feira no mercado aberto antes de despencarem.

A Nikola começou a operar com esse nome na semana passada, após seu acordo com a VectoIQ - uma empresa de aquisição para fins especiais, sem ativos próprios, estabelecida unicamente para se fundir com uma empresa fechada com intenção de abrir seu capital. (A Virgin Galactic (SPCE) de Richard Branson e a empresa de Esporte Fantasy/apostas DraftKings também abriam seu capital dessa maneira recentemente.)

A VectoIQ, que mudou seu nome para Nikola e ticker para NKLA na semana passada, após a fusão, já subiu mais de 600% em 2020 - com a maioria desses ganhos ocorrendo depois de a Nikola ter anunciado planos para comprar a VectoIQ em março.

A Nikola, que também fabrica veículos semirreboque, agora vale cerca de US$ 26 bilhões, com base no preço de fechamento da segunda-feira, mesmo que vendas não sejam esperadas – muito menos lucros - até 2021.

Isso torna a empresa mais valiosa do que a Ford e a Fiat Chrysler e está alcançando rapidamente a GM  - um fato de que Milton se vangloriou no Twitter na segunda-feira, dizendo que "sempre quis dizer isso em toda a minha vida adulta; Nikola agora vale mais que a Ford e a FCA. Batendo no calcanhar da GM."

A Nikola já anunciou vendas para grandes clientes, incluindo um pedido de 800 caminhões da cervejaria Budweiser Anheuser-Busch InBev e um pedido multimilionário da transportadora US Xpress Enterprises .

A empresa também conseguiu atrair alguns dos principais talentos do setor automobilístico, enquanto busca enfrentar a Tesla, que planeja lançar tanto um semielétrico quanto seu veículo futurista Cybertruck. A Nikola anunciou na semana passada que o ex-vice-presidente da GM, Stephen Girsky, que havia sido CEO da VectoIQ, está agora no conselho da empresa.

Um dos principais investidores da Nikola é a CNH, um conglomerado industrial global fabricante de tratores, ônibus e equipamentos de construção. A CNH informou na segunda-feira que a IVECO, sua subsidiária de veículos comerciais, agora detém uma participação de 7,1% na Nikola.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook