Testes da Visa com WhatsApp Pay não são processo formal de análise, diz BC


Anna Russi, do CNN Brasil Business, em Brasília
03 de agosto de 2020 às 09:27 | Atualizado 03 de agosto de 2020 às 10:33
WhatsApp

Função de pagamentos do WhatsApp vai aparecer ao lado de opções como 'compartilhar contato'

Foto: WhatsApp/Divulgação

O Banco Central informou, nesta segunda-feira (3), que comunicou à Visa que não há impedimento para a realização de testes no meio de pagamento por WhataApp. Na última sexta-feira (3), a instituição financeira confirmou ao CNN Business que recebeu o aval da autarquia para fazer os testes, mas sem autorização para realizar nenhuma transação comercial.

A autoridade monetária destacou que tais testes não fazem parte do processo formal de análise do pedido das empresas para operar o sistema de pagamento, que continuam em análise pelo BC. "Esses testes não podem envolver a realização de qualquer transação real com usuários e não podem movimentar valores reais em qualquer montante", ressaltou. 

Leia também:
Curto-circuito: a estreia frustrada do WhatsApp em pagamentos no Brasil
Cade manda Facebook detalhar estrutura de pagamentos pelo Whatsapp

Segundo o BC, a conclusão da análise será feita o mais rápido possível, de forma a recepcionar os novos participantes no sistema de pagamentos, com a "devida segurança quanto à saudável competição e à segurança de dados dos usuários". 

Na última sexta-feira (31), em comunicado enviado ao CNN Business, a Mastercard informou que havia feito uma solicitação para que novos emissores interessados no WhatsApp Pay realizem testes e, em seguida, recebeu a autorização.

No entanto, o BC afirma que ainda não houve manifestação sobre questionamentos feitos pela Mastercard. O mesmo deverá acontecer nos próximos dias.