Omega Geração anuncia oferta de ações que pode movimentar cerca de R$ 877 mi

Inicialmente, a companhia pretende emitir 17.370.391 papéis, e caso haja demanda pode lançar um lote adicional de 6.079.636 ações

Do Estadão Conteúdo
23 de agosto de 2020 às 12:17
 
Foto: Zbynek Burival/Unsplash

A Omega Geração anunciou neste domingo que realizará uma oferta subsequente primária de ações ordinárias. Inicialmente, a companhia pretende emitir 17.370.391 papéis, e caso haja demanda pode lançar um lote adicional de 6.079.636 ações, totalizando 23,450 milhões.

O valor por ação ainda será definido por meio do processo de coleta de demanda (bookbuilding), mas levando-se em conta o valor do papel no fechamento da última sexta-feira (R$ 37,42), a oferta pode movimentar até R$ 877,5 milhões. Os controladores terão uma restrição de venda dos papéis (lock up) de 90 dias.

Leia também:
Vara, Conga, Tchau: ações com ‘torcidas organizadas’ prejudicam o mercado?
Nasdaq bate novo recorde em NY: por que o índice subiu tanto em 2020?
Techs brasileiras se descolam do Ibovespa em queda e sobem mais de 60% no ano

Mais cedo, a companhia anunciou uma aquisição de dois complexos eólicos por R$ 661,7 milhões, além de uma due diligence para outro portfólio de 260 MW, e a implantação de um projeto de mais 200 MW, também por meio de um projeto eólico. No final de julho, a companhia já havia anunciado que faria uma captação, depois da formalização de compra de dois ativos vendidos pela Eletrobras..

Segundo a Omega, cerca de 55% deste total deverá ser pago em dinheiro, e o restante em assunção de dívida de longo prazo. A Omega já é sócia da EDF no complexo solar Pirapora, e depois da conclusão da operação, as duas empresas passarão a gerir em conjunto 504 MW em ativos solares e eólicos.

Os complexos Ventos da Bahia 1 e 2 estão localizados nos municípios de Bonito e Mulungu do Morro, na Bahia, e são compostos por sete projetos totalizando 182,6 MW de capacidade instaladas, com 100% das operações desde 2017, na Fase 1, e 2018 na Fase 2. Os empreendimentos possuem contratos de longo prazo no mercado regulados e têm 75 aerogeradores.

Em outro Fato Relevante, a Omega informa que está realizando diligência (due diligence) com exclusividade até dezembro para fazer uma oferta de aquisição de um portfólio eólico de aproximadamente 260 MW.

Segundo a companhia, o ativo pertence a um desenvolvedor parceiro. A companhia não revela o nome da empresa vendedora.

Além disso, a Omega Desenvolvimento está em negociações avançadas para implantar projetos eólicos de aproximadamente 200 MW de capacidade.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook