Vendas na CVC sobem, mas patamar pré-pandemia ainda está distante

"Orçamentos solicitados pelos clientes do segmento lazer atingiram nas últimas semanas 85% do volume do mesmo período do ano anterior", destacou a CVC

Paula Arend Laier, da Reuters
24 de setembro de 2020 às 11:25

Avião após decolagem: vendas na CVC ainda não chegam à metade do volume do ano passado

Foto: Reuters/Rafael Marchante

A CVC Brasil (CVCB3) divulgou na noite de quarta-feira (23) que as vendas nos meses de abril, maio e junho foram próximas a zero, mas vêm crescendo consistentemente desde o início de julho e na primeira quinzena de setembro a operadora de turismo atingiu aproximadamente 40% do valor do mesmo período de 2019.

Em comunicado à Comissão de Valores Mobiliários, a empresa afirmou que o maior crescimento ocorreu no segmento de lazer doméstico, que atingiu 45% de igual intervalo do ano anterior.

Leia também:
CVC: Turismo voltará ao normal somente em 2023, diz CEO
Brasileiros devem viajar bastante no fim do ano, diz presidente da CVC

"Orçamentos solicitados pelos clientes do segmento lazer atingiram nas últimas semanas 85% do volume do mesmo período do ano anterior", destacou a CVC Brasil.

Em junho, as vendas totais representaram somente 8% do volume reservado na comparação com o mesmo mês do ano passado. Em setembro, até a última semana, as vendas totais estão em aproximadamente 35%, sendo 45% no segmento lazer.

A CVC Brasil também informou que os gastos recorrentes, com folha de pagamento, impostos e investimentos de projetos prioritários e juros da dívida, foram de cerca de R$ 52 milhões por mês no segundo trimestre, conforme informações não auditadas.

"Vale ressaltar, ainda, que a maior parcela do endividamento da companhia tem vencimento a médio e longo prazos", afirmou, detalhando que, de um endividamento total de R$ 2 bilhões, há R$ 600 milhões vencendo em novembro de 2020 e que a companhia está avaliando alternativas de captação e/ou rolagem com os investidores/credores.

O saldo de caixa e equivalentes de caixa em 22 de setembro de 2020 era de aproximadamente R$ 1,5 bilhão, também segundo dados não auditados.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook