Google oferece consultoria grátis para profissionais em transição e empresários

Manuela Tecchio, do CNN Brasil Business, em São Paulo
29 de setembro de 2020 às 16:36
Ambiente do escritório do Google em São Paulo: empresa de tecnologia quer estimular empreendedorismo 
Foto: Divulgação

Começa nesta terça-feira (29) o programa de mentoria do Google que, neste ano, acontece pela internet. Em duas modalidades, o projeto traz consultoria para profissionais em transição de carreira e empresários que queiram orientação nos negócios, sem cobrar nada por isso.

Os encontros online acontecem até 24 de novembro e têm duração média de uma hora. Para quem optar pela mentoria de carreira, serão quatro sessões, sempre às quartas-feiras, às 18h, até o próximo dia 28 de outubro. Entre os temas abordados nessa modalidade estão desde como montar um bom currículo até como estabelecer um plano de carreira.

Leia também:
Google vai oferecer 'graduação' de seis meses; curso de TI custa US$49/mês
Nath Finanças, Blogueira de Baixa Renda: Serasa lança curso com influenciadoras
20 cursos gratuitos da bolsa de valores para começar a investir sem sair de casa

Já para os empreendedores, o curso aborda questões como inteligência emocional, inovação, marketing digital, vendas, e soluções jurídicas. As reuniões desta turma estão marcadas às terças-feiras, sempre a partir das 18h. 

Desde de 2017, o projeto “Cresça com o Google” já capacitou mais de 100 mil pessoas presencialmente. Nesta edição, a empresa planeja capacitar cerca de 15 mil pessoas ao longo de três meses. 

"A pandemia de Covid-19 forçou as pessoas a procurarem novas fontes de renda. A mentoria vem ajudar neste processo com ideias e soluções para os brasileiros que estão em busca de uma nova carreira ou emprego", afirma Valdir Leme, head de marketing do Google Brasil.

Para se inscrever, basta acessar o site do projeto, preencher um formulário e escolher a área de estudo. O link para as reuniões chegará no seu email. Os cursos são inteiramente gratuitos.

Clique aqui e siga a página do CNN Brasil Business no Facebook