Elon Musk ultrapassa Zuckerberg e se torna o 3º homem mais rico do mundo

No total, Musk tem um patrimônio de US$ 110 bilhões, de acordo com Índice de Bilionários da Bloomberg, e o fundador do Facebook tem US$ 104 bilhões

Raphael Coraccini, colaboração para o CNN Brasil Business
17 de novembro de 2020 às 15:36 | Atualizado 18 de novembro de 2020 às 17:17

 

Em questão de horas, o empresário Elon Musk, dono da Tesla, saltou para a terceira posição entre os homens mais ricos do mundo. O agora mais bilionário viu sua fortuna crescer mais de US$ 20 bilhões por causa da disparada das ações.

No total, chegou a um patrimônio de US$ 110 bilhões, de acordo com Índice de Bilionários da Bloomberg, ultrapassando o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, com US$ 104 bilhões.

Leia também:
Elon Musk: Tesla quase faliu em 2017 por problemas com o Model 3
Como Elon Musk e a Tesla podem sair perdendo com a eleição de Arce na Bolívia

O resultado extraordinário aconteceu após o anúncio da S&P Dow Jones Indices sobre a entrada da Tesla no S&P 500, o principal da bolsa americana, em dezembro. Com a notícia, se iniciou a corrida de fundos de investimentos indexados ao S&P 500 para vender ações de companhias que já estão no índice e usar o dinheiro em ações da Tesla. 

Isso acontece porque determinados fundos somente podem investir em empresas que estejam ligadas a determinados índices. Com isso, a procura por ações da Tesla disparou. Nesta terça-feira (17), as ações da Tesla dispararam 8,2%.

Posições diferentes

No ranking da Bloomberg, que contempla apenas as operações em horário comercial, Bernard Arnault, um dos maiores acionista do conglomerado de marcas de luxo LVMH, possui US$ 102 bilhões.

Ele está atrás do fundador da Microsoft, Bill Gates, dono de um patrimônio de US$ 129 bilhões. A liderança está com o presidente e fundador da Amazon, Jeff Bezos, com uma fortuna estimada em US$ 185 bilhões.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook