Governo de São Paulo revoga aumento do ICMS 

A alta do ICMS em São Paulo havia sido planejada para entrar em vigor este mês, mas foi cancelada depois de pedidos de representantes do agronegócio

Por Victória Cócolo, da CNN, em São Paulo
15 de janeiro de 2021 às 05:09 | Atualizado 15 de janeiro de 2021 às 05:11
Medida revoga aumento nas alíquotas do ICMS nos setores de insumos agropecuários, produção de alimentos e de medicamentos genéricos. Foto: Reprodução/CNN


O governo de São Paulo revogou o aumento nas alíquotas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para os setores de insumos agropecuários, produção de alimentos e de medicamentos genéricos. A medida foi publicada no Diário Oficial do estado, nesta sexta-feira (15).

A alta do imposto havia sido planejada para entrar em vigor este mês, mas foi cancelada depois de pedidos de representantes do agronegócio. 

 

O setor chegou a promover 'tratoraços' no dia 7 de janeiro. As manifestações aconteceram em cerca de 300 cidades paulistas, mesmo após o governador João Doria anunciar que havia desistido do aumento, na quarta-feira (6). 

O protesto mobilizou mais de cem sindicatos rurais e cooperativas, teve o objetivo de alertar para a alta do tributo, que elevaria custos que seriam repassados aos consumidores, segundo a Faesp.