Prêmio elege conceitos de cabines que podem mudar voos; veja os preferidos

24 finalistas concorreram em 8 categorias diferentes mostrando quais são os melhores projetos de cabine de avião

Francesca Street, CNN
02 de abril de 2021 às 05:00
Design de estilo "cafeteria"
Design de estilo "cafeteria"
O vencedor: Os vencedores foram finalmente anunciados para o Crystal Cabin Awards 2020, que foi adiado devido à Covid. Na categoria "Univers...Crédito: Prêmio Cabine de Cristal /Divulgação
  • Design de estilo "cafeteria"
  • Cabines se convertem em beliches
  • Assentos flexíveis: Prêmio Cabine de Cristal
  • Jato elétrico: Prêmio Cabine de Cristal /Divulgação
  • Próxima geração: O conceito de cabine da próxima geração da Airbus "Airspace Cab
  • Aviação acessível: Os indicados na categoria "Conforto do passageiro" incluíram
  • Assento econômico: os projetistas de assentos de avião da Safran ganharam três p

 

A pandemia do novo coronavírus trouxe tempos difíceis para o setor de turismo e, consequentemente, para a aviação. Já faz mais de um ano desde a última vez que a maioria dos viajantes colocou os pés dentro de um avião. Mesmo assim, a indústria aeronáutica não parou de trabalhar. 

Nesta terça-feira (30), o Crystal Cabin Awards, principal premiação internacional de inovação em cabines de aviões, divulgou os ganhadores da sua 14ª edição, que estava marcada para acontecer em março do ano passado, quando todos os eventos foram suspensos na Europa. 

 

Agora, depois de um ano, os vencedores finalmente foram nomeados, em 8 categorias diferentes. Entre os vencedores, estão uma cabine personalizada hiper conectada futurista e o interior luxuoso de um jato elétrico comercial.

Os organizadores acreditam que a demanda por viagens deve aumentar no período pós-Covid e esses projetos são fundamentais para conquistar os viajantes. "Se a demanda por viagens aéreas aumentar novamente, são necessárias ideias convincentes que inspirem os passageiros e lhes deem uma boa sensação", disse Carmen Krause-Bösterling, diretora de projetos da Crystal Cabin Award Association.

E os ganhadores são:

Lounge flexível: a empresa de engenharia Heinkel Group trouxe uma configuração diferente para fileiras de assentos em cabines econômicas. Na ideia, que não é nada amigável aos tempos de coronavírus, após a decolagem, os comissários de bordo podem reorganizar as fileiras do voo para que passageiros conhecidos fiquem frente a frente. 

Assentos flexíveis: Prêmio Cabine de Cristal
Assentos flexíveis: Na lista original dos prêmios estava essa ideia intrigante do conceito "Flex Lounge" da empresa de engenharia Heinkel Group, que permite que os passageiros de avião fiquem de frente um para o outro.
Foto: Prêmio Cabine de Cristal /Divulgação

 

Conceito de cabines: anunciado como o primeiro jato de passageiros "puramente elétrico", o Alice venceu nesta categoria. Ele foi reconhecido pela sua inovação interna, com capacidade para transportar até 9 pessoas e autonomia de mil quilômetros.

O modelo da empresa israelense Eviation Aircraft superou o design e a experiência dos concorrentes 777X da Boeing e o Loft de primeira classe da Virgin Atlantic. Os assentos do Alice são dispostos no formato "Herringbone seating" (espinha de peixe, em português), em que todos os viajantes ficam de frente para as janelas do jato.

Próxima geração: O conceito de cabine da próxima geração da Airbus "Airspace Cab
Próxima geração: O conceito de cabine da próxima geração da Airbus "Airspace Cabin Vision 2020" venceu na categoria "Conceitos Visionários"
Foto: Prêmio Cabine de Cristal / Divulgação

 

Conceito visionário: o Airspace Cabin Vision 2020, da Airbus, foi eleito por oferecer um conceito de próxima geração. Ele tem assentos flexíveis e um "ambiente habilitado digitalmente" que inclui preferências pré-programadas de reclinação, bem como cabines de bagagens que acedem uma luz vermelha ou verde, dependendo da lotação. 

Em outubro de 2019, o vice-presidente de marketing da Airbus, Ingo Wuggetzer, afirmou que o conceito se baseava na ideia de que "o que você experimenta no solo, continua a experimentar a bordo de uma aeronave".

Cabine mais ecológica: a Diehl Aviation criou um projeto que reutiliza a água da pia para dar descarga, em vez de despejar a água no ralo. Com isso, os aviões ficam mais leves, já que podem carregar menos reservas de água. Para um Boeing 787, isso significa economia de até 550 toneladas de gás carbônico (CO2) por ano.

Design de estilo "cafeteria"
O vencedor: Os vencedores foram finalmente anunciados para o Crystal Cabin Awards 2020, que foi adiado devido à Covid. Na categoria "Universidade", a Universidade de Cincinnati ficou em primeiro lugar com este design de estilo "cafeteria"
Foto: Prêmio Cabine de Cristal /Divulgação

 

Hardware de conforto de passageiros: o assento econômico Modulair S, da Safran Seats, desenvolvido com a universidade francesa ENSCI levou a melhor. Ele se destacou por ter sido projetado para unir economia e conforto, incluindo elementos, como suporte para o pescoço e suporte para tablet, na classe econômica. 

Outro destaque da categoria foi o assento ROW1, da Ciara Crawford, que permite que uma cadeira de rodas seja encaixada perfeitamente na fileira, promovendo uma experiência de voo acessível.

Entretenimento e conectividade a bordo: o sistema de entretenimento a bordo habilitado por Bluetooth da Safran se sobressaiu por permitir que os viajantes conectassem fones de ouvido pessoais em vez dos fones disponíveis nos aviões.

Sistemas de cabine: a Safran ganhou outro prêmio por criar o Sophy, um módulo conectado no catering que fornece aos comissários informações, em tempo real, sobre a operação do buffet, como entrega, limpeza, qualidade dos alimentos, estoque e manutenção. 

Universidade: a Universidade de Cincinnati, nos Estados Unidos, levou o troféu com um design no estilo "cafeteira", um conceito que reimagina como viajantes de negócios podem trabalhar durante o voo.

A organização do concurso anunciou a criação de duas novas categorias especiais: Escolha dos juízes e Viagem limpa e segura. Os ganhadores destes prêmios serão divulgados no dia 31 de agosto, no Aircraft Interiors Expo, em Hamburgo, na Alemanha.

(Texto traduzido. Clique aqui para ler o original)