China passa EUA após 22 anos e tem aeroporto mais movimentado do mundo

Espera-se que a queda do aeroporto de Atlanta (ou ATL) do primeiro lugar seja temporária

Marnie Hunter, CNN
24 de abril de 2021 às 05:00
Aeroporto Guangzhou Baiyun, em Guangzhou (China)
Foto: Chen Jimin/China News Service via Getty Images

 

(CNN) – Sete dos 10 aeroportos mais movimentados do mundo em 2020 ficam na China. Já o antigo aeroporto mais movimentado do mundo –Hartsfield-Jackson Atlanta International Airport, nos Estados Unidos– caiu para a segunda posição no ranking, após 22 anos consecutivos no topo.

O Aeroporto Internacional Guangzhou Baiyun, na China, foi o aeroporto mais movimentado do mundo em 2020, subindo para o primeiro lugar. Ele estava na 11ª posição em 2019, de acordo com dados preliminares divulgados pela organização do setor Airports Council International (ACI).

Mudanças drásticas na lista dos dez primeiros em número de passageiros –e a queda do tráfego aéreo global em geral– aconteceram, obviamente, por causa da pandemia de Covid-19, que continua impedindo viagens em todo o globo.

Guangzhou recebeu 43,8 milhões de passageiros em 2020, uma queda de 40% em relação a 2019. Atlanta teve 42,9 milhões de passageiros no ano passado, uma queda abrupta de 61% em relação a 2019.

Espera-se que a queda do aeroporto de Atlanta (ou ATL) do primeiro lugar seja temporária, segundo Patrick Lucas, vice-presidente de economia do ACI World. “Conforme o setor de recupera, esperamos que ATL retome sua posição no topo nos próximos anos”, afirmou.

 

Os aeroportos nas cidades chinesas de Chengdu, Shenzhen, Kunming, Xangai e Xi’an também estiveram entre os 10 primeiros em 2020. Eles subiram várias posições em comparação com as classificações de 2019: o Aeroporto Internacional de Hongqiao, de Xangai, foi o 460º naquele ano.

O Aeroporto Internacional de Pequim, que frequentemente ocupava a segunda posição no ranking e ocupava essa posição em 2019, caiu para a sexta posição na lista de 2020.

Tráfego aéreo no chão

Em 2020, o tráfego de passageiros por via aérea em todo o mundo caiu quase 65%, de acordo com os números do ACI. O tráfego de passageiros nos dez aeroportos mais movimentados em 2020 caiu quase 46%.

“Os dados publicados hoje revelam o desafio que os aeroportos continuam a enfrentar, e segue sendo imperativo que o setor seja apoiado por meio de suporte direto e decisões políticas sensatas dos governos para garantir que a aviação possa resistir, reconstruir a conectividade e alimentar uma recuperação econômica global”, escreveu o diretor geral global do ACI, Luis Felipe de Oliveira, em um comunicado.

“Os dados mostram que o impacto permanece desigual, com diferentes regiões enfrentando desafios diversos e exigindo diferentes decisões políticas e apoio dos governos para estabelecer as bases para a recuperação”, disse ele.

O ACI não espera que o tráfego global de passageiros se recupere aos níveis de 2019 antes de 2024, de acordo com Lucas.

Além de Atlanta, dois outros aeroportos nos Estados Unidos entraram no top 10: Dallas/Fort Worth International, na 4ª posição (ante a 10ª em 2019), e Denver International, na 7ª posição (era o 160º em 2019).

Nenhum aeroporto europeu esteve entre os dez primeiros em 2020; Londres e Paris estavam na lista em 2019. Dubai e Tóquio também saíram da lista em 2020.

Viagens aéreas domésticas

O ACI observou que as viagens aéreas domésticas estão começando a se recuperar em muitos lugares, enquanto as internacionais continuam extremamente restritas.

A forte presença da China entre os dez primeiros se deve, em parte, às viagens domésticas menos restritas na China, onde o coronavírus surgiu no final de 2019 e foi agressivamente derrotado com lockdowns rígidos.

O país é o segundo maior mercado doméstico de viagens do mundo, depois dos Estados Unidos.

As viagens internacionais na China ainda estão bastante restringidas, observou Lucas, forçando muitos viajantes que poderiam ter ido para o exterior a circular dentro da China.

Embora alguns sinais de recuperação estejam surgindo, o líder do ACI destacou vários componentes essenciais para a melhoria contínua.

“Uma recuperação global sustentada só será alcançada com uma escalada das campanhas de vacinação, o desenvolvimento contínuo de passaportes digitais de saúde e o apoio político coordenado e coeso dos governos”, disse Oliveira, do ACI.

Aeroportos mais movimentados de 2020 em tráfego de passageiros

  1. Guangzhou (CAN) – 43,8 milhões de passageiros em 2020; queda de 40% em relação a 2019
  2. Atlanta (ATL) – 42,9 milhões de passageiros em 2020; queda de 61% em relação a 2019
  3. Chengdu (CTU) – 40,7 milhões de passageiros em 2020; queda de 27% em relação a 2019
  4. Dallas/Fort Worth (DFW) – 39,4 milhões de passageiros em 2020; queda de 48% em relação a 2019
  5. Shenzhen (SZX) – 37,9 milhões de passageiros em 2020; queda de 28% em relação a 2019
  6. Pequim (PEK) – 34,5 milhões de passageiros em 2020; queda de 66% em relação a 2019
  7. Denver (DEN) – 33,7 milhões de passageiros em 2020; queda de 51% em relação a 2019
  8. Kunming (KMG) – 33 milhões de passageiros em 2020; queda de 31% em relação a 2019
  9. Xangai (SHA) – 31,2 milhões de passageiros em 2020; queda de 32% em relação a 2019
  10. Xi’an (XIY) – 31,1 milhões de passageiros em 2020; queda de 34% em relação a 2019

(Texto traduzido. Leia o original em inglês aqui.)