Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Empresa responsável por gasoduto Nord Stream 2 não confirma pedido de falência

    Companhia disse que apenas encerrou contratos com seus empregados após os "desdobramentos geopolíticos que levaram à imposição de sanções dos EUA"

    Placa sinaliza localização de unidade do gasoduto Nord Stream 2 em Lubmin, na Alemanha
    Placa sinaliza localização de unidade do gasoduto Nord Stream 2 em Lubmin, na Alemanha 10/09/2022 REUTERS/Hannibal Hanschke

    André Marinho, do Estadão Conteúdo

    Ouvir notícia

    A empresa responsável pela construção do gasoduto Nord Stream 2, que liga a Rússia à Alemanha, informou, nesta quarta-feira (2), que “não pode confirmar” os relatos na imprensa de que estaria declarando falência.

    Em comunicado, a companhia esclareceu que apenas encerrou contratos com seus empregados após os “desdobramentos geopolíticos que levaram à imposição de sanções dos EUA à empresa“.

    Após a Rússia invadir a Ucrânia, na semana passada, a Alemanha decidiu suspender a certificação do gasoduto, que é controlado pela estatal russa Gazprom.

    Também em resposta à ofensiva militar, os Estados Unidos impuseram sanções à empresa do Nord Stream 2.

    Na nota, a companhia também revelou que retirou seu website do ar após a página ser alvo de ataques cibernéticos.

    Mais Recentes da CNN