Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Governo da Ucrânia anuncia proibição de exportação de fertilizantes

    País é um dos maiores produtos globais no setor agrícola, e já havia proibido exportação de outras commodities anteriormente

    Ucrânia deixará de exportar nitrogênio, fósforo, potássio e fertilizantes complexos
    Ucrânia deixará de exportar nitrogênio, fósforo, potássio e fertilizantes complexos Scott Audette/Reuters

    Pavel Polityukda Reuters

    Ouvir notícia

    A Ucrânia, um grande produtor global de produtos agrícolas, proibiu as exportações de fertilizantes devido à invasão russa, disse o Ministério da Agricultura neste sábado (12).

    O país já proibiu as exportações de algumas commodities agrícolas e introduziu licenças para seus principais produtos de exportação – trigo, milho e óleo de girassol.

    “O gabinete de ministros está introduzindo uma cota zero para a exportação de fertilizantes minerais que é uma proibição de fato da exportação de fertilizantes da Ucrânia”, disse o ministério em comunicado.

    Ele disse que a proibição ajudaria “a manter o equilíbrio no mercado doméstico” e se aplica a nitrogênio, fósforo, potássio e fertilizantes complexos.

    A Ucrânia tradicionalmente começa o trabalho de campo da primavera no final de fevereiro ou em março. Os agricultores dizem que começarão a semear em áreas seguras assim que puderem.

    O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, disse na sexta-feira (11) que o país deve semear o máximo possível nesta primavera, apesar da invasão russa.

    O sindicato dos produtores agrícolas do país disse nesta semana que os agricultores provavelmente reduzirão as áreas semeadas com sementes de sol, colza e milho este ano, substituindo-as por cereais – trigo sarraceno, aveia e milho.

    A Ucrânia, o maior exportador mundial de óleo de girassol, havia previsto antes da invasão que poderia exportar mais de 60 milhões de toneladas de grãos, incluindo 33 milhões de toneladas de milho e 23 milhões de toneladas de trigo, na temporada de 2021 e 2022, de julho a junho.

    O Ministério da Agricultura disse que a Ucrânia havia exportado 43 milhões de toneladas de vários grãos na temporada de  2021 e 2022 em 23 de fevereiro, um dia antes da invasão pela Rússia.

    Mais Recentes da CNN