Jeff Bezos vai ao espaço em foguete projetado por sua empresa Blue Origin

A empresa afirmou que o irmão mais novo de Bezos, Mark Bezos, também embarcará no seu voo inaugural

Por Jackie Wattles, do CNN Business*

Ouvir notícia

Jeff Bezos voará para o espaço no primeiro voo tripulado do New Shepard, o foguete fabricado por sua empresa espacial, Blue Origin. O voo está programado para 20 de julho, apenas 15 dias depois de ele renunciar ao cargo de CEO da Amazon.

A Blue Origin disse que o irmão mais novo de Bezos, Mark Bezos, também embarcará no voo. “Desde os meus cinco anos de idade, sonho em viajar para o espaço”, disse Bezos, 57, em uma postagem no Instagram na segunda-feira de manhã. “No dia 20 de julho, farei essa viagem com meu irmão. A maior aventura, com meu melhor amigo.”

Se tudo correr conforme o planejado, Bezos, o homem mais rico do mundo com um patrimônio líquido de US$ 187 bilhões, será o primeiro dos bilionários magnatas espaciais a experimentar um passeio a bordo da tecnologia de foguetes que ele investiu milhões para desenvolver.

Nem mesmo Elon Musk, cujo SpaceX constrói foguetes poderosos o suficiente para entrar em órbita ao redor da Terra, anunciou planos de viajar para o espaço a bordo de uma das cápsulas de tripulação de sua empresa.

Já o bilionário britânico Richard Branson, cuja própria empresa espacial, Virgin Galactic, está planejando realizar voos comerciais para o espaço suborbital para caçadores de emoção ultra-ricos e competir diretamente com a Blue Origin.

Ele há muito diz que estará entre os primeiros passageiros a bordo do avião movido a foguete da Virgin Galactic, mas o voo está previsto para ocorrer no final de 2021.

O voo da tripulação da Blue Origin verá a cápsula de seis lugares da empresa e o foguete de 15 metros se estenderem em direção à borda do espaço em um voo de 11 minutos que alcançará mais de 100 quilômetros acima da Terra.

Após seis anos de testes extensivos e muitas vezes secretos do foguete e da cápsula, chamada New Shepard, a Blue Origin anunciou em maio que estava se preparando para colocar os primeiros passageiros a bordo.

Embora a empresa não tenha anunciado por quanto vai vender os ingressos regulares, a Blue Origin disse que um lugar será dado ao vencedor de um leilão que está em andamento. O lance mais alto atingiu US$ 2,8 milhões na manhã de segunda-feira (7).

*Texto traduzido, clique aqui para ler o original

Mais Recentes da CNN