ONU reduz perspectiva de crescimento econômico mundial de 4% para 3,1% em 2022

Guerra na Ucrânia, aumento de preços de energia, alimentos e commodities, inflação e aperto monetários estão entre as principais causas da projeção mais baixa

Sede da ONU em Nova York
Sede da ONU em Nova York 01/03/2022REUTERS/Carlo Allegri

Letícia Simionato, do Estadão Conteúdo

Ouvir notícia

A Organização das Nações Unidas (ONU) reduziu sua previsão de crescimento econômico global em 2022 de 4% para 3,1%.

“As perspectivas de crescimento global enfraqueceram significativamente em meio à guerra na Ucrânia, aumento de preços de energia, alimentos e commodities, inflação em alta e aperto da política monetária pelos principais bancos centrais”, destacou a Organização, em comunicado.

“Essa deterioração nas perspectivas de crescimento é ampla, inclusive para as maiores economias do mundo, Estados Unidos, União Europeia, China e muitos países em desenvolvimento”, afirmou Shantanu Mukherjee, diretor do Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais da ONU (DESA).

A economia dos Estados Unidos deverá desacelerar para alta de 2,6% em 2022, devido às altas pressões inflacionárias, aperto monetário agressivo pelo Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) e um dólar forte.

Já na China, o Produto Interno Bruto (PIB) deverá crescer 4,5%, uma queda de 0,7 ponto porcentual na projeção, com políticas rigorosas contra a covid-19 afetando negativamente as perspectivas.

*Com informações da Reuters

Mais Recentes da CNN