Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Com Haddad nas negociações, governo intensifica articulação para reforma tributária, diz Appy à CNN

    Secretário afirmou ainda ver "perspectiva muito positiva para a aprovação na Câmara até o final do semestre legislativo"

    Bernard Appy em audiência na Câmara dos Deputados
    Bernard Appy em audiência na Câmara dos Deputados Foto: Washington Costa/MF

    Danilo Moliternoda CNN

    São Paulo

    O Secretário Extraordinário da Reforma Tributária, Bernard Appy, disse, em entrevista à CNN nesta quinta-feira (25), que o governo federal intensificou as tratativas pela reforma após a aprovação do marco fiscal na Câmara dos Deputados.

    Segundo Appy, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, entrou “diretamente” na articulação da matéria.

    “Sim, teve [intensificação]. O ministro está entrando diretamente nas negociações da reforma tributária. A Secretaria da Reforma Tributária já vem conversando com o relator e com o grupo de trabalho da reforma há algum tempo. A tendência é se intensificar”, disse.

    Appy afirmou ainda ver “perspectiva muito positiva para a aprovação da reforma na Câmara dos Deputados até o final do semestre legislativo”. Também destacou que as próximas semanas serão vitais para viabilizar a reforma politicamente.

    “Eu acredito que o clima é bastante positivo. Óbvio que ainda tem muita negociação. As próximas semanas vão ser muito importantes em termos da definição dos pontos que serão necessários para viabilizar politicamente a aprovação da reforma, seja do ponto de vista de eventuais resistências setoriais, seja do ponto de vista de eventuais resistências federativas”, disse.

    Em entrevista à imprensa na última quarta-feira (24), o ministro Haddad havia dito que a pasta colocaria a Secretaria Extraordinária da Reforma Tributária à disposição do relator da medida, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), para avanço das tratativas.