Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Lula encaminha ao Senado duas indicações para diretoria da CVM

    Indicação de Marina Palma Copola de Carvalho foi adiada para vaga aberta no final do ano

    Daniel Walter Maeda Bernardo deve assumir cadeira livre desde junho
    Daniel Walter Maeda Bernardo deve assumir cadeira livre desde junho Divulgação

    Luci Ribeiro, do Estadão Conteúdo

    O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), encaminhou para a apreciação do Senado Federal duas indicações para compor a diretoria da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), conforme mensagens publicadas no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (27).

    Um dos indicados é Daniel Walter Maeda Bernardo, que, se aprovado pelos parlamentares, assume a vaga decorrente da renúncia de Alexandre Costa Rangel, que deixou o órgão em junho. Daniel Bernardo é a segunda proposta para o posto.

    Antes, o governo havia escolhido Marina Palma Copola de Carvalho para a cadeira deixada por Rangel, mas resolveu pedir ao Senado a retirada de tramitação da indicação dela para essa vaga e a remanejou para outra que se abrirá neste fim de ano.

    Com isso, Marina Palma Copola de Carvalho passa a ser indicada para ocupar a vaga que será aberta com o fim do mandato de Flavia Martins Sant’Anna Perlingeiro em 31 de dezembro de 2023.