Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Lula quer aproveitar reunião com Poder Legislativo para entregar regra fiscal

    A ideia é que texto final seja apresentado sem modificações na terça-feira. A expectativa é de que, no mesmo dia, Lira anuncie o relator da proposta.

    Gustavo UribeLarissa Rodriguesda CNN

    Brasília

    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deve aproveitar reunião com a cúpula do Congresso Nacional, na terça-feira (18), para entregar ao Poder Legislativo a proposta sobre a nova regra fiscal.

    O encontro, marcado para as 9h30, tem como objetivo discutir medidas de proteção das unidades de ensino diante dos recentes episódios de violência.

    Na sequência, a ideia é que Lula apresente o texto aos presidentes da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), e do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), que foram convidados também para o encontro.

    Em viagem à China, Lula discutiu a proposta com Pacheco e, segundo relatos feitos à CNN Brasil, sinalizou que ela não deve ser alterada em relação ao texto apresentado na semana retrasada.

    Nesta segunda-feira (17), o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, deve revisar o texto final antes da entrega esperada para terça-feira (18).

    A expectativa é de que, na própria terça-feira (18), Lira anuncie o relator da proposta. O Palácio do Planalto já deu respaldo à indicação do deputado federal Cláudio Cajado (PP-BA).

    Lula acredita ser possível aprová-la na Câmara dos Deputados e no Senado Federal até a metade de junho, antes de reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), marcada para os dias 20 e 21 daquele mês.

    A expectativa do Palácio do Planalto é de que, com a aprovação da regra fiscal, o Banco Central dê início em junho a um ciclo de queda da taxa de juros, hoje em 13,75% ao ano.