Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Petrobras reduz preço do querosene de aviação em cerca de 11,6% às distribuidoras

    Esta é a segunda queda consecutiva; segundo a companhia, houve redução de 22,5% no preço do QAV desde julho

    Fabrício Juliãodo CNN Brasil Business em São Paulo

    A Petrobras anunciou nesta segunda-feira (2) redução média de 11,6% no preço do Querosene de Aviação (QAV) para as distribuidoras. O reajuste passou a entrar em vigência em primeiro de janeiro de 2023.

    Esta é a segunda queda consecutiva no preço do combustível repassado às distribuidoras. Segundo a Petrobras, houve redução de 22,5% no QAV desde julho, após cinco reajustes desde então.

    “Os preços de venda de QAV da Petrobras buscam equilíbrio com o mercado e acompanham as variações do valor do produto e da taxa de câmbio, para cima e para baixo, com reajustes aplicados em base mensal, mitigando a volatilidade diária das cotações internacionais e do câmbio”, afirmou a estatal.

    A companhia ressaltou ainda que os ajustes de preços do Querosene de Aviação são mensais e definidos por meio de fórmulas contratuais negociadas com as próprias  distribuidoras.

    Asfaltos

    A Petrobras também reduziu o preço dos ligantes asfálticos para as distribuidoras nesta segunda-feira (2). Desde o primeiro dia do ano, a redução média de 6% do produto entrou em vigência.

    “Importante ressaltar que o mercado brasileiro é aberto à livre concorrência e não existem restrições legais, regulatórias ou logísticas para que outras empresas atuem como produtores ou importadores de asfalto”, pontuou a empresa.