Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Microsoft e Meta fecham parceria inédita para fornecer software de IA para empresas

    Apelidado de Llama 2, modelo de linguagem de inteligência artificial será gratuito e estará disponível para desenvolvedores de software na plataforma de computação em nuvem Azure

    Lançamento do Llama 2, modelo de IA da Meta, deve intensificar a competição por modelos privados e comerciais, como o sistema GPT-4 desenvolvido pela OpenAI
    Lançamento do Llama 2, modelo de IA da Meta, deve intensificar a competição por modelos privados e comerciais, como o sistema GPT-4 desenvolvido pela OpenAI Reuters/Dado Ruvic

    do Estadão Conteúdo

    A Microsoft anunciou uma parceria com a Meta para lançar uma nova versão do modelo de linguagem de inteligência artificial da controladora do Facebook e do Instagram, que irá disponibilizar o software para empresas pela primeira vez.

    O modelo da IA da Meta, apelidado de Llama 2, será gratuito e estará disponível para desenvolvedores de software na plataforma de computação em nuvem Azure, da Microsoft, disseram as empresas em um comunicado que nomeou a Microsoft como parceira preferencial da Meta.

    A Microsoft também anunciou planos de cobrar das empresas US$ 30 (R$ 144) por mês por pessoa pelo acesso a um assistente com inteligência artificial para seu popular software de trabalho Microsoft 365, que inclui Word e Excel, um teste inicial de valor para novas ferramentas de inteligência artificial.

    A taxa é mais do que o dobro do que a Microsoft atualmente cobra pela versão mais barata do software.

    O lançamento do Llama 2 deve intensificar a competição por modelos privados e comerciais, como o sistema GPT-4 desenvolvido pela OpenAI, que lançou o popular chatbot ChatGPT.

    Ao disponibilizar o Llama 2 para os clientes do Azure, a Microsoft está demonstrando vontade de ir além do fabricante do ChatGPT, OpenAI, como sua plataforma de IA preferida.

    Apesar do fato de a Microsoft ter gastado bilhões com o OpenAI, outros provedores de computação em nuvem, como Amazon e Google, estão se promovendo cada vez mais como plataformas neutras, onde os desenvolvedores podem escolher entre uma variedade de modelos de IA generativa de diferentes empresas.

    Mais Recentes da CNN

    Mais Recentes da CNN