Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Mitsubishi venderá apenas veículos elétricos e híbridos até meados da década de 2030

    Montadora japonesa, que também é parceira júnior em uma aliança com a francesa Renault e a Nissan, disse que lançará 16 novos modelos nos próximos cinco anos

    Mitsubishi considera híbridos plug-in, veículos elétricos híbridos e veículos elétricos a bateria como veículos eletrificados
    Mitsubishi considera híbridos plug-in, veículos elétricos híbridos e veículos elétricos a bateria como veículos eletrificados 19/05/2022REUTERS/Satoshi Sugiyama

    da Reuters

    A Mitsubishi planeja que os veículos híbridos e elétricos a bateria sejam responsáveis por todas as vendas de carros novos da empresa até meados da próxima década, reforçando sua estratégia de eletrificação para se manter competitiva nos principais mercados.

    A montadora japonesa, que também é parceira júnior em uma aliança com a francesa Renault e a Nissan, disse que lançará 16 novos modelos nos próximos cinco anos.

    A empresa manteve uma meta anterior de ter metade de suas vendas de carros novos eletrificados até o ano fiscal de 2030, e nesta sexta-feira (10) prometeu aumentar ainda mais para 100% até o ano fiscal de 2035.

    A Mitsubishi considera híbridos plug-in, veículos elétricos híbridos e veículos elétricos a bateria como veículos eletrificados. Os veículos eletrificados representaram cerca de 7% do total de vendas de carros novos da empresa no ano fiscal de 2021.

    “Entre nossos modelos existentes, vamos expandir as áreas geográficas onde nosso carro-chefe elétrico plug-in Outlander está sendo oferecido e aumentar as vendas do Minicab-MiEV comercial leve que foi relançado no ano passado”, disse o presidente-executivo Takao Kato.

    Entre os 16 novos modelos que a Mitsubishi planeja lançar, um será um modelo de aliança de elétricos a bateria com a Renault, enquanto outro será um modelo de aliança com a Nissan, disse a Mitsubishi em materiais de apresentação que faziam parte de seu plano de negócios para o período fiscal 2023-2025.

    O modelo pode ser uma variante do Renault MPV Scénic elétrico fabricado na França e esperado em 2024, ou uma variante dos carros urbanos elétricos Renault R5 ou R4, esperados, respectivamente, para 2024 e 2025 e também fabricado na França, disse uma fonte próxima ao assunto.

    Dos outros 14 modelos que a montadora planeja lançar, sete serão exclusivamente movidos a motor de combustão, cinco serão híbridos e os dois restantes serão elétricos a bateria, disse a empresa.

    A Mitsubishi Europa se recusou a comentar o assunto.