Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Rui Costa diz que não recebeu detalhes do programa de passagens aéreas

    Proposta estabeleceria um grupo de pessoas possa comprar passagens aéreas por R$ 200

    Pedro Teixeirada CNN

    Brasília

    O ministro da Casa Civil, Rui Costa, afirmou nesta terça-feira (14), depois de uma reunião com o presidente Lula e ministros da área social do governo, que a Pasta ainda não recebeu as informações do programa “Voa Brasil”, proposta que tem como objetivo democratizar o acesso a passagens de avião, com custo estimado em R$ 200 por trecho voado, para servidores, aposentados e pensionistas. O anúncio do projeto foi feito pelo ministro de Portos e Aeroportos, Márcio França.

    “Nós ainda não recepcionamos o detalhamento desse programa e haverá o momento de ter essa reunião”, disse Rui.

    A declaração aconteceu horas depois do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) dar uma bronca nos seus ministros e os proibir de anunciar “absolutamente nada” sem passar pelo crivo da Casa Civil.

    “A minha sugestão é que ninguém anuncie absolutamente nada que seja novo sem
    passar pela Casa Civil”, disse o presidente.

    Para integrantes do governo, ouvidos pela CNN, a bronca de Lula aos ministros foi vista como um recado a Márcio França.

    Por fim, Rui Costa reforçou a fala do presidente Lula ao dizer que que os anúncios dos programas tem que ser anúncio de governo e não de minstério.

    “Quando é anúncio de governo, muitas vezes, envolve mais de um ministério, por mais que a ideia seja boa, é preciso pactuar com outros ministérios, para ver o alcance de eventuais impactos em outras áreas”, disse o ministro da Casa Civil.