Obra de Banksy sobre novo coronavírus é removida do metrô de Londres


Adrienne Vogt e Alicia Lee, da CNN
15 de julho de 2020 às 07:43 | Atualizado 15 de julho de 2020 às 12:55

Durou pouco. Horas depois de o artista de rua Banksy publicar, no perfil que mantém no Instagram, um vídeo dele mostrando sua obra mais recente no metrô de Londres e pedindo às pessoas que usem máscaras, o departamento de transportes da capital britânica confirmou que o desenho foi removido.

O trabalho foi apagado “há alguns dias” porque se tratava de uma violação da “rigorosa política antigrafite” do órgão, disse um porta-voz da agência responsável pelos transportes da cidade.

Mesmo após a remoção, o porta-voz afirmou que o departamento reconheceu “o sentimento de encorajar as pessoas a usarem máscaras”, e disse que gostaria de “oferecer a Banksy a chance de fazer uma nova versão da mensagem para os usuários [do metrô], mas em um local apropriado”.

Assista e leia também:

Banksy propõe nova versão de estátua de comerciante de escravos derrubada

Banksy pinta bandeira dos Estados Unidos em chamas em tributo a George Floyd

Hotel de Banksy coloca máscara contra novo coronavírus em estátua de macaco

Mais cedo nessa terça-feira (14), o artista recluso publicou, em sua conta no Instagram, um vídeo de si mesmo vestido como um funcionário de limpeza grafitando o metrô de Londres. A legenda da publicação era “Se você não usa máscara, não vai entender”.

Nas imagens, Banksy pinta ratos: um deles espirrando, outro usando uma máscara como paraquedas e outro segurando uma embalagem de desinfetante.

O vídeo termina com a música de 1997 “Tubthumping”, da banda de rock britânica Chumbawamba. A canção começa com a letra “I get knocked down, but I get up again” (Fui derrubado, mas me levanto de novo) e toca enquanto o metrô fecha as portas. Banksy pintou a frase na estação e dentro do vagão.

Esta não é a primeira vez que o artista britânico publica, nas redes sociais, obras sobre a Covid-19. Em abril, ele compartilhou uma foto de um trabalho feito em casa, com desenhos de ratos correndo pelo banheiro.

Em maio, Banksy revelou uma obra chamada “Game Changer”, que mostra uma criança brincando com uma boneca de enfermeira, que usa uma máscara e capa. Uma homenagem aos funcionários da área de saúde que estão na linha de frente no combate à doença.

(Texto traduzido, clique aqui e leia o original em inglês.)