Banda de K-pop BTS é escolhida artista do ano pela revista 'Time'

Jill Serjeant, da Reuters
10 de dezembro de 2020 às 20:26 | Atualizado 10 de dezembro de 2020 às 20:29
BTS posa para fotos antes da premiação, e deixam o espaço do membro SUGA vazio no abraço
Foto: Reprodução/Twitter 

 

O grupo de K-pop BTS foi escolhido como artista do ano pela revista norte-americana Time nesta quinta-feira (10), confirmando um ano de destaque nos Estados Unidos para o grupo musical sul-coreano. 

A banda, composta por sete membros e que fez sua estreia em 2013, se tornou uma das mais populares do mundo com suas músicas dançantes e animadas com mensagens nada polêmicas e com um verdadeiro exército de fãs enlouquecidos. 

Leia também:
BTS pode adiar o serviço militar após Coreia do Sul aprovar nova lei
Ações da gravadora do BTS sobem 90% após IPO, mas são uma aposta arriscada
Live do BTS, banda de K-pop, atrai mais de 100 milhões de fãs

No mês passado, a banda conquistou a primeira grande indicação aos Grammys de uma banda de K-pop, e no último verão seu hit em inglês Dynamite se tornou o primeiro do grupo a estrear em número 1 na tabela das Billboard Hot 100. 

"BTS não é apenas o maior grupo de K-pop nas paradas. Eles também se tornaram a maior banda no mundo -- ponto final", escreveu a jornalista da Time Raisa Bruner em um perfil do grupo na quinta-feira. "E eles conseguiram isso em um ano definido por derrotas, um ano no qual o mundo apertou a tecla pause e todos lutaram para manter suas conexões." 

O Twitter anunciou nesta semana que o BTS "continua a reinar como o grupo de músicos mais discutido no Twitter" nos Estados Unidos pelo quarto ano seguido.

O grupo sul-coreano irá se apresentar na quinta-feira em um especial televisionado quando será feito o anúncio da escolha da Pessoa do Ano de 2020 da Time