Fãs de ‘Bridgerton’ percebem erros históricos em cenas da série

Linhas de trânsito para carros, bueiros para fios e cartazes de grandes redes de comércio são alguns dos erros nos cenários

Lisa Respers France, da CNN
25 de janeiro de 2021 às 14:35
Bridgerton
Bridgerton conquistou o público na Netflix
Foto: Divulgação/Netflix

Alguns fãs da série viral da Netflix, “Bridgerton”, perceberam cenários modernos no drama que se passa na era da Regência Britânica, que ocorreu entre 1811 e 1820 na Inglaterra.

 

“Depois de ver dois episódios de #Bridgerton eu já notei uma linha de trânsito amarela no asfalto e uma tampa de bueiro com o logo de uma empresa de telecomunicações”, uma espectadora observadora publicou no Twitter. “Eu não sabia que os britânicos do século 19 eram tão pioneiros…”.

A observação foi precisa: a noção de linhas amarelas nas vias asfaltadas não existia até 1940, de acordo com um artigo publicado no jornal inglês The Independent em 1997.

Bridgerton
Espectadores perceberam a presença de sinalizações de trânsito de carros no romance do século 19
Foto: Reprodução/Netflix

Outra fã tuitou que encontrou cartazes da rede de lojas de departamento inglesa Primark em algumas janelas do cenário da série. A rede abriu em 1969.

“Não consigo me concentrar na cena quando a carruagem deles passa na frente da Primark”, disse ela.

 

“Bridgerton” é baseada em uma série de romances históricos de Julia Quinn.

A Netflix já anunciou que o programa voltará para uma segunda temporada.

(Texto traduzido. Leia o original em inglês).