Ambulância atendeu chamado por dor no peito de Hawkins, diz autoridade colombiana

Comunicado do Departamento de Saúde diz que baterista não respondeu a reanimação cardíaca

Ambulância foi chamada em hotel onde estava Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters estava hospedado,(Photo by: Sebastian Barros/Long Visual Press/Universal Images Group via Getty Images)
Ambulância foi chamada em hotel onde estava Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters estava hospedado,(Photo by: Sebastian Barros/Long Visual Press/Universal Images Group via Getty Images) Long Visual Press/Universal Imag

Juby BabuLuis Jaime Acostada Reuters

Bogotá

Ouvir notícia

Autoridades da Colômbia estão investigando a causa da morte do baterista Taylor Hawkins, da banda Foo Fighters, na madrugada deste sábado (26) em um hotel de Bogotá. O músico, que tinha 50 anos, foi encontrado morto. Um comunicado do Departamento de Saúde de Bogotá informou que uma ambulância foi enviada ao hotel depois que uma ligação de emergência relatou que um homem estava com dores no peito. “Hawkins não respondeu ao CPR [sigla para reanimação cardiopulmonar] e foi declarado morto”, disse o informe do departamento.

“Iniciamos uma investigação para estabelecer a causa da morte do músico, mas por enquanto não temos nenhuma informação disponível para compartilhar. À medida que a investigação avançar, teremos”, afirmou à Reuters, uma fonte do gabinete do procurador-geral, que não foi autorizada para falar com a imprensa.

A banda iria se apresentar no festival Estereo Picnic, perto da capital colombiana. Os organizadores do festival disseram que o Foo Fighters cancelou o resto de sua turnê sul-americana. “A família Foo Fighters está devastada pela perda trágica e prematura de nosso amado Taylor Hawkins”, disse a banda em um tweet.

“Seu espírito musical e risada contagiante viverão com todos nós para sempre.”

A embaixada dos Estados Unidos em Bogotá disse que não estava em posição de comentar sobre a morte de Hawkins por questões de privacidade.

Lollapalooza no Brasil

A organização do Lollapalooza, que acontece em São Paulo, informou que o Foo Fighters cancelou toda a turnê sul-americana. A banda se apresentaria no domingo (27) no festival que acontece em São Paulo. O Foo Fighters estava programado para encerrar o dia no palco principal.

De acordo com a assessoria do festival, ainda não foi definido o que será feito com a programação de atrações do último dia de evento. Ainda não se sabe se o cancelamento do shows vai adiantar o encerramento das atividades no palco Budweiser, ou se alguma outra atração será anunciada para o horário.

Homenagens

Hawkins “era realmente uma grande pessoa e um músico incrível. Meu coração, meu amor e minhas condolências vão para sua esposa, seus filhos, sua família, sua banda e seus fãs”, tuitou o roqueiro britânico Ozzy Osbourne. “Vejo você do outro lado.”

Os roqueiros canadenses Nickelback disseram estar “totalmente incrédulos com as notícias de Taylor Hawkins”.

O Foo Fighters foi fundado em 1994 por Dave Grohl, o baterista da banda grunge Nirvana, após a morte do vocalista, Kurt Cobain. A banda, que inclui o baixista Nate Mendel e os guitarristas Chris Shiflett e Pat Smear, lançou dez álbuns de estúdio liderados por singles como “Everlong”, “Times Like These” e “Learn To Fly”.

A banda ganhou 12 prêmios Grammy e foi introduzido no Rock and Roll Hall of Fame em 2021.

“Deus te abençoe Taylor Hawkins. Eu amei seu espírito e seu poder de rock incansável. Descanse em paz meu amigo”, twittou Tom Morello, do Rage Against the Machine.

Gene Simmons e Paul Stanley, membros do grupo de rock KISS, também lamentaram a morte de Hawkins, junto com Guns N’ Roses, Slash e vários outros músicos.

 

Mais Recentes da CNN