Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Céline Dion canta pela primeira vez após diagnóstico de doença rara

    A cantora foi diagnosticada com Síndrome da Pessoa Rígida, em dezembro de 2022

    Céline Dion canta pela primeira vez após diagnóstico de doença rara
    Céline Dion canta pela primeira vez após diagnóstico de doença rara Reprodução

    Paola Churchillcolaboração para a CNN

    São Paulo

    Céline Dion apareceu pela primeira vez publicamente e aproveitou o momento para cantar depois de seu diagnóstico da Síndrome de Pessoa Rígida. Em agosto desse ano, algumas fontes disseram ao portal The Mirror que ela “provavelmente” não voltaria a cantar nunca mais.

    Além disso, os insiders falaram que o quadro de saúde da cantora não era animador. E na noite desta segunda-feira (07), Céline cantou durante um jogo de hóquei em Las Vegas. O vice-presidente de um dos times, Chantal Machabée, que participaram falou sobre o momento especial a People.

    “Ela passou por muita coisa, e vê-la assim, sorrindo tão feliz… É incrível. Eu sei que ela tem dias bons e dias não tão bons, mas esse foi um dia muito bom. Foi reconfortante”, contou. Além disso, foi ele que postou uma foto da cantora no vestiário.
    “Uma ótima visita em nosso jogo em Vegas ontem. Obrigada, Céline Dion, por sua grande generosidade. O time todo ficou muito feliz em conhecer você e sua família”, legendou ele.

    Diagnóstico de Céline

    A cantora foi diagnosticada com Síndrome da Pessoa Rígida, em dezembro de 2022, uma doença rara e incurável que causa espasmos musculares. Devido à essa condição neurológica, o sistema nervoso central, especialmente o cérebro e a medula espinhal, são afetados.

    Os primeiros sintomas de espasmos musculares persistentes foram sentidos pela cantora em 2021. Um ano depois, ela adiou shows de 2023 para 2024, cancelando oito apresentações. Para cuidar da saúde, ela se isolou em uma mansão, em Nevada, próximo às escolas particulares e das atividades dos filhos.