Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    popverso

    Como Stranger Things trouxe uma música de 37 anos atrás de volta às paradas de sucesso

    Relembre outras músicas que bombaram por causa de filmes e séries

    A música favorita da personagem Max, interpretada por Sadie Sink, tem um papel importante na trama
    A música favorita da personagem Max, interpretada por Sadie Sink, tem um papel importante na trama Courtesy of Netflix

    Arthur Belottoda CNN Brasil Soft

    Mesmo quem ainda não viu a primeira parte da quarta temporada de Stranger Things deve ter percebido que a música “Running Up That Hill”, de Kate Bush, viralizou. A música é a favorita da personagem Max, interpretada por Sadie Sink, e aparece em vários momentos importantes durante a temporada.37 anos depois do seu lançamento, a música foi parar entre as mais ouvidas nas plataformas digitais.

    A canção conquistou o primeiro lugar no iTunes Global e no Spotify Global, além de garantir o primeiro top 10 na carreira de Kate Bush. No Brasil, “Running Up That Hill” ficou entre as dez mais ouvidas no Spotify, tornando-se a primeira faixa do século passado a entrar no topo do ranking. Segundo a Billboard, a música teve um aumento de 8700% de reproduções globais em comparação a um dia antes da estreia da quarta temporada de Stranger Things.

    A própria Kate Bush usou seu site oficial para agradecer o apoio dos fãs da série e disse que está ansiosa para os próximos episódios, que chegam em julho.

    O Popverso CNN desta terça (07) preparou uma lista com outros hits que foram ou voltaram ao topo por causa de séries e filmes.

    Confira outras músicas que bombaram ao serem resgatadas em produções da cultura pop

    Bella Ciao, em La Casa de Papel

    A italiana “Bella Ciao” virou marca registrada de La Casa da Papel – ganhou várias versões e até viralizou na forma de funk. A origem da música é incerta, historiadores indicam que ela surgiu lá na virada do século 19 e era usada entre camponesas italianas para denunciar péssimas condições de trabalho e baixos salários. Mas a canção ganhou força ao se tornar símbolo da resistência italiana e suas correntes antifascistas.

    What’s Up, em Sense8

    Um dos momentos mais marcantes de Sense8 é quando os oito protagonistas interligados mentalmente cantam   “What’s Up”, do grupo 4 Non Blondes. A música foi um hit nos anos 90 – e o único da banda – mas ganhou uma sobrevida e espaço nos karaokês graças a série da Netflix.

    Don’t Stop Believin’, em Glee

    Você pode até não gostar de Glee, mas não dá pra negar que a série foi importante para muita gente descobrir e redescobrir grandes clássicos e artistas – era quase um TikTok lá em 2010. “Don’t Stop Believin”, da banda Journey, é um bom exemplo. A versão da série para a música de 1981 vendeu mais de um milhão de downloads, chegou ao quarto lugar na parada da Billboard e foi uma das interpretações mais bem sucedidas do coral da escola McKinley.

    Truth Hurts, em Alguém Especial

    A cantora Lizzo estourou em 2019, quando lançou seu terceiro álbum. Mas foi com uma música de 2017, que nem estava originalmente em seus planos, que conseguiu seu primeiro número um nas paradas. “Truth Hurts” foi ouvida na comédia romântica “Alguém Especial”, da Netflix, e viralizou no TikTok. A cantora aproveitou o sucesso da música e lançou uma versão deluxe do álbum, garantindo até um Grammy com a canção.

    Save Me, em Laços de Família

    Lembra dos irmãos Hanson? Um de seus grandes sucessos é “Save Me”, uma baladinha que era tema do casal Eduardo e Camila na novela “Laços de Família”. A música nem era um single de divulgação da banda, mas, por causa do grande sucesso da novela, a gravadora teve que promovê-la a single oficial.