Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Mesmo sem presença de Pedro Pascal, romance gay de Almodóvar atrai público em Cannes

    Faroeste de diretor espanhol era um dos mais esperados em festival; Pascal não pode presenciar por filmagem de outro filme

    Diretor Pedro Almodóvar e Ethan Hawke, do elenco de "Strange Way of Life", no Festival de Cinema de Cannes, na França
    Diretor Pedro Almodóvar e Ethan Hawke, do elenco de "Strange Way of Life", no Festival de Cinema de Cannes, na França 17/5/2023 REUTERS/Eric Gaillard

    Reuters

    Cannes

    Multidões ansiosas para assistir a “Strange Way of Life” de Pedro Almodóvar, um filme de faroeste de 31 minutos estrelado por Ethan Hawke e Pedro Pascal como amantes, foram impedidas de entrar no Festival de Cinema de Cannes na tarde desta quarta-feira (17) após esperarem mais de uma hora na chuva.

    O filme inspirado em “O Segredo de Brokeback Mountain”, de Ang Lee, foi apresentado em sessão especial com a presença do elenco, com exceção de Pascal, astro de “The Mandalorian”, que estaria filmando uma sequência do drama histórico “Gladiador”, do diretor Ridley Scott, lançado em 2000.

    “Strange Way of Life”, que se baseia fortemente nos filmes de Clint Eastwood, segue o xerife Jake, interpretado por Hawke, e Silva, interpretado por Pascal, um fazendeiro, que são velhos amigos que se reencontram após 25 anos e se sentem atraídos um pelo outro.

    Os críticos reagiram calorosamente ao filme, elogiando-o como fiel ao gênero ao mesmo tempo em que acrescenta algo a ele, e mostraram-se receptivos à ideia de Almodóvar expandi-lo para um longa-metragem.

    “Existe uma narrativa muito robusta e saudosista aqui e ‘Strange Way of Life’ tem uma abordagem bastante saudosista em sua forma”, escreveu o jornal “The Guardian”, que deu ao filme quatro de cinco estrelas.

    O filme será lançado ainda este ano e é distribuído pela Sony Pictures Classics, de acordo com a “Variety”.

    (Publicado por Carolina Farias)