Gilberto Gil ganha acervo digital com músicas inéditas com acesso gratuito

Acervo disponível na plataforma da Google é um tributo os 80 anos do cantor e compositor

Talita Amaralda CNN

Ouvir notícia

 

“Continuação, recomeço, retomada, confecção de um material que tem estado nos sonhos da dimensão onírica do meu trabalho”. Desta forma, o cantor e compositor, Gilberto Gil, definiu a fase em que está vivendo, prestes a fazer 80 anos. O mais novo imortal da Academia Brasileira de Letras foi homenageado nesta terça-feira (14) com o maior acervo digital, dedicado a um artista vivo.

A obra, que já está na plataforma da Google, celebra a vida e obras do cantor e conta ainda com um álbum inédito, gravado em 1982, quando Gil estava em Nova York. As músicas em inglês, nunca foram lançadas e acabaram perdidas em sua volta ao Brasil.

“Entre regravações e músicas inéditas, acabamos gravando 12 faixas com essas pessoas. Mas, por alguma razão, esse disco não foi lançado. Eu falava sobre melhorias que ele poderia ter com relação à arte, mas não sei o que levou a esse engavetamento”, disse o artista.

Ao todo, o acervo “O Ritmo de Gil” reúne mais de 41 mil imagens distribuídas em 140 seções, além de 900 vídeos e gravações históricas que foram cuidadosamente digitalizadas.

“A retrospectiva inédita sobre Gil retrata a vida e obra desse artista símbolo da cultura brasileira e do homem cercado de muitos outros artistas, amigos e da família. A partir de hoje, amantes da cultura brasileira, da afro-musicalidade, fãs e admiradores de Gilberto Gil em todo o mundo poderão acessar, à distância de alguns cliques, o tesouro que é sua história”, relata Valéria Gasparotti, gerente de projetos do Google Arts & Culture.

Os trabalhos de pesquisa e documentação sobre o arquivo pessoal de Gil, contendo fotos, documentos, gravações de áudio e vídeos, foram feitos em parceria com o Instituto Gilberto Gil e começaram em 2018.

“Fico muito feliz que, com essa coleção do Google Arts & Culture, pessoas do mundo todo, especialmente os mais jovens, podem ter acesso universal a um conteúdo tão vasto sobre toda minha trajetória”, declarou Gil.

Outro destaque da mostra é “Todos a bordo: a viagem cultural de Gilberto Gil”, que reúne, em oito momentos, os lugares para onde Gil levou a sua arte.

Ao som de “Expresso 2222”, será possível embarcar em um passeio ilustrado pelo mundo do artista e descobrir sua vida e legado por meio das ilustrações da artista plástica baiana Raiana Britto, criadas especialmente para essa retrospectiva.

Mais Recentes da CNN