Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Lia Bock: A retrospectiva do Spotify e o feminejo (de novo) no topo

    A rainha da sofrência Marília Mendonça ficou novamente em primeiro lugar como artista mais ouvida no Brasil

    Ouvir notícia

    No Manual do Mundo Moderno desta quarta-feira (2), na CNN Rádio, Lia Bock falou sobre a retrospectiva do Spotify e o fato de a rainha da sofrência Marília Mendonça estar novamente em primeiro lugar como artista mais ouvida no Brasil.

    Assista e leia também:
    Lia Bock: De sentença de morte à esperança – a visão sobre a Aids em 2020
    Lia Bock: A importância de conversar sobre pressão estética e redes sociais
    Lia Bock: ‘Maradona mostrou que podia ser um jogador politizado’

    Cartela Manual do Mundo Moderno (Rádio CNN)
    Lia Bock comanda o Manual do Mundo Moderno na Rádio CNN
    Foto: CNN Brasil

    Lia falou ainda sobre a cantora ser uma das três mulheres na lista de artistas mais ouvidos. “O feminejo tem uma importância muito grande dentro do sertanejo. Ele trouxe uma visão feminina e veio quebrar um pouco o machismo desse gênero musical”, disse.

    Segundo Lia, uma pesquisa da Universidade de Brasília mostra que os 300 maiores hits do Brasil trazem colocações sobre uma mulher sem defeitos que vai salvar o homem baladeiro e infiel, por exemplo. Ou seja, uma mulher perfeita e um homem humano.

    “Parece fofo, mas é machista.” As músicas das mulheres, por outro lado, costumam trazer uma visão diferenciada, afirmou Lia.

    Mais Recentes da CNN