Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Modelo trans vence o Miss Holanda e disputará o Miss Universo 2023

    Rikkie Valerie Kollé se torna a 2ª mulher transgênero a participar da premiação

    Larissa Santiagocolaboração para a CNN

    São Paulo

    A modelo Rikkie Valerie Kollé, 22 anos, se tornou a primeira participante transgênero a vencer o Miss Universo Holanda. O resultado foi anunciado no domingo (9).

    Natural de Breda, no sul da Holanda, Rikkie Valerie recebeu a coroa pela ganhadora do ano anterior, Ona Moody, e pela atual Miss Universo, a competidora americana R’Bonney Gabriel.

    O Miss Universo será realizado em dezembro, em El Salvador. O Brasil anunciou que a representante será Maria Brechane, do Rio Grande do Sul.

    Representatividade 

    A modelo holandesa de 22 anos se tornou a segunda mulher trans a ganhar o título para participar da competição mundial – que tem Anne Jakkaphong Jakrajutatip, CEO da JKN Global Group PCL, uma empresa de distribuição de mídia com sede na Tailândia, e defensora dos direitos transgênero, como a dona do concurso internacional de beleza.

    A primeira trans a disputar o Miss Universo foi a modelo e ativista Angela Ponce, no Miss Espanha 2018.

    “Eu fiz isso. É irreal, mas posso me chamar de Miss Universo Holanda 2023. Foi um processo educativo e maravilhoso. Deixei minha comunidade orgulhosa e mostrei que isso pode ser feito. E sim, sou uma mulher trans e gostaria de compartilhar minha história”, escreveu Rikkie.

    Em complemento, ela agradeceu a família e aos amigos pelo apoio. Segundo ela, eles são os seus fãs número 1.

    “E onde quer que você esteja no mundo, quero estar ao seu lado e ser o exemplo”, completou.