Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    “O Mistério dos Sete Relógios”: obra de Agatha Christie vai chegar ao streaming

    Helena Bonham Carter, Martin Freeman e Mia McKenna-Bruce estrelarão série produzida pela Netflix

    Mia McKenna-Bruce é protagonista de "O Mistério dos Sete Relógios", nova adaptação de Agatha Christie
    Mia McKenna-Bruce é protagonista de "O Mistério dos Sete Relógios", nova adaptação de Agatha Christie Divulgação/ Netflix

    Nicoly Bastosda CNN

    Uma nova obra de Agatha Christie será adaptada pela Netflix. Nesta segunda-feira (10), o serviço de streaming anunciou “O Mistério dos Sete Relógios”, romance policial lançado pela autora de suspense em 1929. Nomes como Helena Bonham Carter (“Harry Potter”, “Alice no País das Maravilhas”), Martin Freeman (“O Hobbit”, “Sherlock”) e Mia McKenna-Bruce (“How To Have Sex”) já estão confirmados.

    Mia McKenna-Bruce será a protagonista do longa. A Netflix já divulgou também uma imagem da atriz caracterizada como Lady Eileen “Bundle” Brent, a personagem principal.

    Segundo informações obtidas pela revista norte-americana Variety, Helena Bonham Carter e Martin Freeman interpretarão os personagens Lady Caterham e o Superintendente Battle, respectivamente.

    A trama será ambientada no ano de 1925 e acompanhará uma luxuosa festa em uma casa de campo. No final, cabe a mais “improvável” dos detetives, a curiosa Lady Eileen “Bundle” Brent, desvendar uma trama que mudará sua vida, desvendando o mistério da casa de campo. A produção ainda é descrita como “drama espirituoso, épico e acelerado”.

    “O Mistério dos Sete Relógios” terá roteiro de Chris Chibnall, showrunner de “Doctor Who”, e produção executiva de Suzanne Mackie, de “The Crown”.

    Segundo a Variety, a série começará a ser gravada nos próximos meses. Ainda não há previsão de estreia.

    Conhecida como a “Rainha do Crime”, Agatha Christie já teve outras obras adaptadas para o audiovisual, como “Assassinato no Expresso Oriente”, “A Morte no Nilo” e “A Noite das Bruxas”.