Rock In Rio é adiado para setembro de 2022 devido à Covid-19

A edição de 2021 do evento, que ocorreria entre o final de setembro e o início de outubro, é adiada para o início de setembro do ano seguinte

Rock In Rio 2019
Rock In Rio 2019 Foto: Divulgação

Luana Franzão*,

da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

A edição de 2021 do festival Rock In Rio foi adiada para setembro de 2022. Os shows que aconteceriam entre o final de setembro e o início de outubro deste ano passam a ocorrer nos dias 2, 3, 4, 8, 9, 10 e 11 de setembro de 2022, por conta da pandemia do novo coronavírus.

O Rock In Rio acontece tradicionalmente na “Cidade do Rock”, montada no Parque Olímpico da capital carioca e recebe os principais artistas do cenário nacional e internacional. 

“O Rock in Rio mobiliza pessoas dentro e fora da Cidade do Rock. Recebemos turistas de absolutamente todos os estados, além do Distrito Federal, e também de mais de 70 países. São 28 mil pessoas trabalhando para levar festa e alegria para as 700 mil pessoas que nos visitam. Vamos preservar vidas neste momento. Em setembro de 2022, estaremos juntos de novo e prontos para o melhor Rock in Rio de todos os tempos, quando vamos celebrar a paz e a vida”, informou o presidente do Rock in Rio, Roberto Medina, em nota publicada no site do evento.

De acordo com a organização do festival, algumas atrações devem ser anunciadas ainda no primeiro semestre deste ano.

A edição portuguesa do show, o Rock In Rio Lisboa, que aconteceria em junho, também foi adiado para o ano seguinte.

Na oitava edição do festival, em 2019, a última antes da pandemia da Covid-19, algumas das principais atrações foram Red Hot Chili Peppers, Iron Maiden, Scorpions, P!nk, Drake, Bon Jovi, Foo Fighters, entre outros.

*com informações da Agência Brasil

*sob supervisão

Mais Recentes da CNN