Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Sepultura anuncia fim da banda e turnê de despedida por 40 países

    Grupo fundado há 40 anos pelos irmãos Cavalera em Belo Horizonte fala sobre decisão de encerrar atividades durante coletiva em hotel em São Paulo

    Integrantes do Sepultura afirmaram que turnê de despedida começará no Brasil e passará por EUA, Europa e outros países da América Latina
    Integrantes do Sepultura afirmaram que turnê de despedida começará no Brasil e passará por EUA, Europa e outros países da América Latina Carlos Pupo/Estadão Conteúdo

    Alexandre Matiascolaboração para a CNN

    O Sepultura acabou. Derrick Green, Paulo Jr., Andreas Kisser e Eloy Casagrande se reuniram nesta sexta-feira (08) para anunciar o fim das atividades da banda de metal brasileira mais bem sucedida de todos os tempos. Iniciada na casa dos irmãos Max e Iggor Cavalera há quase quarenta anos em Belo Horizonte, o grupo encerra suas atividades em uma coletiva em um hotel de luxo na zona sul de São Paulo e não menciona nenhum problema entre seus integrantes, apenas falam sobre fim de ciclo.

    É a desculpa para, inevitavelmente, discorrerem sobre a turnê de despedida que acontecerá no ano que vem e passará por mais de 40 países por dezoito meses no ano em que comemora quatro décadas de história, a partir de março.

    A turnê “Celebrating Life Through Death”, terá início em 1⁰ de março, no Arena Hall, em Belo Horizonte. Depois, o grupo segue por outras cidades do Brasil, Estados Unidos e de outros países da América Latina e Europa. Os ingressos começam a ser vendidos na segunda-feira (11), às 12h, na Eventim.

    A banda deve lançar ainda um disco gravado ao vivo com 40 faixas, algumas registradas durante a turnê derradeira.

    “Estamos no melhor momento da história da banda e saímos de cena de uma forma muito tranquila”, afirmou o guitarrista Andreas Kisser. “São ciclos que se fecham e se renovam. Queremos celebrar. Não queria que o Sepultura acabasse com uma briga ou que a gente ficasse velho demais no palco”, ressaltando que o grupo não acaba, por conta da relação com os fãs, citando o Cream de Eric Clapton como exemplo para saber a hora de concluir o processo.

    O guitarrista, que entrou para a banda em 1987, quando o grupo se mudou- para São Paulo, garante que outras novidades serão anunciadas em breve, e não descarta a possibilidade de incluir participações de ex-integrantes da banda, incluindo os irmãos Cavalera. Mas preferiu não cravar nenhuma certeza, uma vez que a relação entre os irmãos fundadores e o atual grupo são, no mínimo, delicadas.

    Formada em 1984 em Belo Horizonte, a banda colocou o Brasil no mapa do heavy metal mundial ainda em sua primeira década de atividade, primeiro em turnês realizadas na raça pela Europa (em um tempo em que viagens internacionais eram resolvidas por carta e telefonemas, pois não havia internet) e depois ao conquistar a crítica especializada com uma sequência de discos até hoje considerada clássica: Beneath the Remains (1989), Arise (1991), Chaos A.D. (1993) e Roots (1996).

    O ano do disco em que mais flertavam com a musicalidade brasileira também marcou a saída de Max Cavalera do grupo, que deixou a banda para fazer seu próprio trabalho com o grupo Soulfly. Em seu lugar entrou o norte-americano Derrick Green. O irmão de Max, Igor, deixaria a banda dez anos depois. O baixista Paulo Jr. é o único integrante da formação original do grupo.

    Max e Igor voltaram a se falar quando o baterista e irmão caçula saiu do Sepultura, em 2006, depois de quase dez anos rompidos. Após algumas participações nos shows do Soulfly no ano seguinte, os dois voltaram a tocar juntos, a princípio com o nome de Inflikted para depois assumir o sobrenome no novo grupo, que mantêm até hoje, Cavalera Conspiracy.

    O grupo lançou três discos com material novo (Blunt Force Trauma, 2011; Pandemonium, 2014; e Psychosis; 2017) até começar a revisitar os anos em que estavam no Sepultura. Primeiro, com a turnê Max and Igor Return to Roots, revisitando o disco que gravaram em 1996. Em abril deste ano, o Cavalera Conspiracy regravou os dois primeiros registros de sua antiga banda, Bestial Devastation (lançado originalmente em 1985, quando os irmãos ainda eram menores de idade) e Morbid Visions (1986), e fizeram shows tocando este material.

    Veja as datas turnê de despedida do Sepultura

    • 1 de março de 2024 – Belo Horizonte (Arena Hall)
    • 2 de março de 2024 – Juiz de Fora (Estacionamento Cultural)
    • 09 de março de 2024 – Brasília (Arena Lounge)
    • 15 de março de 2024 – Uberlândia (Castelli)
    • 21 de março de 2024 – Porto Alegre (Araújo Vianna)
    • 22 de março de 2024 – Curitiba (Live)
    • 23 de março de 2024 – Florianópolis (Arena Opus)
    • 6 de setembro de 2024 – São Paulo (Espaço Unimed)

    Vídeo: Rock in Rio divulga primeiras atrações do festival de 2024