Simon Gallup, do The Cure, se diz ‘farto da traição’ e deixa banda após 40 anos

O músico já deixou a banda uma outra vez, em 1982, retornando dois anos depois

Simon Gallup, agora ex-baixista da banda The Cure
Simon Gallup, agora ex-baixista da banda The Cure Foto: Per Ole Hagen/Redferns via Getty Images

Lisa Respers France, da CNN

Ouvir notícia

Garotos não choram, mas no caso de Simon Gallup, eles postam seus sentimentos no Facebook e pedem demissão publicamente.

Em uma postagem no Facebook no fim de semana, o baixista do The Cure escreveu: “Com o coração um pouco pesado, não sou mais um membro do The Cure! Boa sorte a todos eles…”

A notícia foi recebida com choque e tristeza por alguns fãs, e Gallup comentou: “Estou bem… cansei da traição”.

The Cure é conhecido por sucessos como “Friday I’m in Love”, “Just Like Heaven” e “Boys Don’t Cry”.

Gallup já deixou o grupo antes. Ele se juntou ao The Cure em 1979, saiu em 1982 após um desentendimento com o vocalista da banda, Robert Smith, e voltou dois anos depois.

A CNN entrou em contato com os representantes do The Cure para comentar.

(Texto traduzido. Leia o original em inglês.)

Mais Recentes da CNN