Taylor Swift anuncia novo videoclipe surpresa

Após o relançamento de seu álbum mais famoso, "Red", e ainda o videoclipe "All Too Well", cantora anuncia vídeo em parceria com Blake Lively

Taylor Swift se destacou relançando seus grandes sucessos, como o álbum "Red"
Taylor Swift se destacou relançando seus grandes sucessos, como o álbum "Red" Reprodução

Da CNN Brasil

Ouvir notícia

Mais uma de Taylor Swift, que não se cansa de quebrar a internet.

Primeiro, ela lança uma versão regravada de seu álbum indicado ao Grammy “Red”, intitulado “Red (Taylor’s Version)”, na sexta-feira (12). No mesmo dia, faz sua estreia na direção de um videoclipe, no melhor estilo curta-metragem, com “All Too Well” – a quinta faixa do novo “Red”, que é estrelado por ela mesma, e também pelo ator Dylan O’Brien e a estrela da série “Stranger Things”, Sadie Sink.

Agora, na tarde deste domingo (14), anuncia aos fãs mais um videoclipe surpresa, desta vez o “I Bet You Think About Me”, que conta com a participação do cantor Chris Stapleton, músico que recentemente ganhou seis prêmios no Country Music Awards, incluindo música e álbum do ano.

O anúncio veio por meio de sua conta no Twitter, onde Taylor publicou 10 segundos do videoclipe, com a chamada: “Surpresa! Vídeo de nova música”. “Eu finalmente consegui trabalhar com a brilhante, corajosa e incrivelmente engraçada @blakelively em sua estreia na direção”, diz ainda a publicação.

A prévia do clipe mostra um bolo com cobertura em camadas com duas linhas vermelhas riscadas nele, seguido por uma mão tirando com força um pedaço da sobremesa.

“All Too Well” já obteve mais de 22,5 milhões de visualizações no YouTube desde sua estreia na sexta-feira. Com o lançamento de “Red (Taylor’s Version)”, também na  sexta, quebrou o recorde de álbum mais transmitido em um dia por uma artista feminina e a mulher mais transmitida em um dia no Spotify.

O videoclipe de “I Bet You Think About Me” está previsto para ser lançado no YouTube ao meio-dia de 16 de novembro, no horário de Brasília.

Mais Recentes da CNN