‘Titane’ leva Palma de Ouro em Cannes

Diretora francesa Julia Ducournau concorria pela primeira vez e tornou-se a segunda mulher na história a vencer prêmio principal

Diretora Julia Ducournau posa com a Palma de Ouro para o filme Titane
Diretora Julia Ducournau posa com a Palma de Ouro para o filme Titane Foto: Pascal Le Segretain/Getty Images

Thomas Page, da CNN

Ouvir notícia

A diretora francesa Julia Ducournau tornou-se a segunda mulher na história do Festival de Cannes a ganhar a Palma de Ouro de Melhor Filme, prêmio garantido por ‘Titane’, em resultado anunciado neste sábado (17). 

Em um momento chocante, Spike Lee, o presidente do júri, anunciou o filme vencedor mais cedo na cerimônia após um problema de comunicação. Depois de momentos de desconforto entre o público, o evento voltou ao seu ritmo regular. 

Ducournau, que também dirigiu o filme “Raw”, retornou a Cannes com seu segundo longa, o primeiro a concorrer ao prêmio principal. ‘Titane’ conta a história de uma jovem mulher que sobrevive a um acidente automobilístico na infância e passa a ter uma relação peculiar com carros na vida adulta.  

O filme dividiu a crítica, mas o júri formado pelos diretores Spike Lee, Mati Diop, Kleber Mendonça Filho, Jessica Hausner, as atrizes e atores Maggie Gyllenhaal, Mélanie Laurent, Tahar Rahim e Song Kang-ho e a cantora e compositora Mylène Farmer julgaram-no digno do principal prêmio da noite.

O Grand Prix, o segundo prêmio do Festival, foi concedido duplamente para “A Hero”, de Asghar Farhadi, e “Compartment No.6.”, do diretor Juho Kusomanen. 

“A Hero”, intrigante longa do iraniano duas vezes vencedor do Oscar, conta a história de um prisioneiro que, após realizar boas ações no dia de sua soltura, vive uma sequência de bons e maus acontecimentos. Já “Compartment No.6” tem sido classificado como um novo “Antes do Amanhecer” por seu enredo de encontro em um trem. 

O filme “Memoria”, do diretor tailandês Apicatpong Weerasethakul, e “Ahed’s Knee”, do israelense Nadav Lapid, dividiram o Prêmio do Júri.

Júri do Festival de Cannes 2021 em cerimônia de entrega dos prêmios
Júri do Festival de Cannes 2021 em cerimônia de entrega dos prêmios
Foto: Pascal Le Segretain/Getty Images

O prêmio de Melhor Diretor foi para o francês Leos Carax pelo musical “Annette”, estrelando Adam Driver e Marion Cotillard em um romance musicado pelo duo pop Sparks. Já o Melhor Roteiro foi angariado por Ryusuke Hamaguchi por “Drive my Car”, uma adaptação de uma novela de Haruki Murakami feita pelo diretor japonês.

Caleb Landry Jones levou o prêmio de Melhor Ator por “Nitram”, uma releitura do diretor Justin Kurzel ao massacre de Port Arthur na Austrália em 1996. Renate Reinsve levou a estatueta de Melhor Atriz por “The Worst Person in the World”, de Joachim Trier.

Já o Camera d’Or de primeiro filme apresentado no Festival foi para “Murina”, de Antoneta Alamat Kusijanovic, um tenso drama familiar ambientado no Mar Mediterrâneo. 

Mais Recentes da CNN