Olimpíada de Tóquio pode ser cancelada se tiver que ser adiada mais uma vez


Yoko Wakatsuki, Isaac Yee e George Ramsay, da CNN
28 de abril de 2020 às 08:05
Os Jogos Olímpicos foram adiados em um ano por causa da pandemia do coronavírus

Os Jogos Olímpicos de Tóquio foram adiados em um ano por causa da pandemia do novo coronavírus

Foto: Reuters - 05.ago.2019

A Olimpíada de Tóquio pode ser cancelada se a pandemia do novo coronavírus continuar em 2021, declarou o presidente do evento. Os Jogos estão agendados para começar no dia 23 de julho de 2021, após serem adiados em um ano por causa do surto da doença.

Questionado sobre um novo adiamento da competição, caso o vírus ainda esteja em grande circulação, o presidente da Olimpíada de Tóquio 2020, Yoshiro Mori, disse: “Não, ela será cancelada”.

“Os Jogos Olímpicos já foram cancelados no passado por problemas como guerras. Estamos lutando contra um inimigo invisível agora”, declarou ele.

Assista e leia também:
Adiamento da Olimpíada de Tóquio torna incerta classificação de atletas
Análise: expectativa é de que o mundo celebre o fim da pandemia na Olimpíada

Mori afirmou ainda que os organizadores estão trabalhando em estratégias para a realização do evento no ano que vem. “Esta Olimpíada será muito mais valiosa do que qualquer outra do passado se conseguirmos realizá-la após vencer essa batalha”, disse ele. “Temos que acreditar nisso, ou nossos esforços e trabalho duro não serão recompensados.”

Falta de vacina dificulta realização do evento

Yoshitake Yokokura, presidente da Associação Médica do Japão, afirmou que será “difícil manter a Olimpíada” sem uma vacina eficaz contra a COVID-19.

“Não estou dizendo que [o Japão] deve ou não manter, mas acredito que será difícil realizá-la”, disse Yokokura durante uma coletiva de imprensa, nesta terça-feira (28). “Quero acreditar que [o número de] pessoas infectadas [em Tóquio] está diminuindo. Mas não há testes o suficiente sendo realizados no Japão, então é difícil dizer”, declarou ele. “Precisamos monitorar a situação por mais uma semana.”

Assista e leia também:
Cris Dias: 'Adiamento da Olimpíada de Tóquio é a medida mais sensata'
Análise: Olimpíada seria a grande oportunidade para reativar a economia japonesa

Até o momento, o Japão tem 13.614 casos confirmados do novo coronavírus e ao menos 385 mortes, segundo dados da Universidade de Medicina Johns Hopkins.

Questionados pela reportagem da CNN, os organizadores da Olimpíada de Tóquio disseram que “as novas datas para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 já estão marcadas para 2021”.

“Criamos uma estrutura para as medidas contra o novo coronavírus, a partir da qual o Comitê Olímpico Internacional (COI) e dos Jogos de Tóquio 2020 trocarão informações e conduzirão uma coordenação próxima, incluindo a Organização Mundial de Saúde (OMS). Continuaremos a manter essa proximidade com todas as partes envolvidas e discutiremos os próximos passos conforme necessário”, declararam.