Com Covid-19, piloto mexicano Sergio Pérez não disputará GP da Inglaterra


Reuters
30 de julho de 2020 às 22:05
O piloto mexicano Sergio Pérez, da Racing Point

O piloto mexicano Sergio Pérez, da Racing Point

Foto: Tracey Nearmy/Reuters (12.mar.2020)

O piloto Sergio Pérez, da equipe Racing Point, perderá o Grande Prêmio da Inglaterra de Fórmula 1 após testar positivo para a Covid-19, anunciou a categoria nesta quinta-feira (30). 

Pérez e alguns de seus companheiros de equipe estavam em autoisolamento antes da prova em Silverstone após o teste inicial do piloto mexicano se mostrar inconclusivo.

"O anúncio de hoje foi de que Sergio Pérez, da BWT Racing Point, produziu um teste inconclusivo para Covid-19. A FIA e a Fórmula 1 podem agora confirmar que o resultado de seu novo teste é positivo", anunciou a F1 em nota. 

"Pérez entrou em autoquarentena de acordo com as instruções das autoridades relevantes de saúde pública, e continuará a seguir o procedimento exigido pelas autoridades", acrescentou.

Leia também:

F1 cancela corrida no Brasil em razão da pandemia de Covid-19

Guia da F1 2020: Mercedes e Hamilton são favoritos em temporada encurtada

A Racing Point disse que Pérez, que é o primeiro piloto a testar positivo desde o reinício da temporada neste mês, estava "fisicamente bem e animado" e que um piloto reserva tomaria seu lugar. 

"Nossa intenção é correr com dois carros no domingo", disse a equipe em nota. "Continuaremos a comunicar os próximos passos para o Grande Prêmio do Reino Unido no devido tempo".

Os treinos para a prova do final de semana, a quarta da Fórmula 1 na temporada, começam na sexta-feira.