Benfica, de Jorge Jesus, perde de time grego e é eliminado da Liga dos Campeões


Da CNN, em São Paulo
15 de setembro de 2020 às 23:33

O técnico português Jorge Jesus deu adeus ao Flamengo para assumir o Benfica, time do seu país natal, com o objetivo de disputar a Liga dos Campeões.

Nesta terça-feira (15), o plano foi por água abaixo com a derrota do Benfica por 2 a 1 para o PAOK, da Grécia, que resultou na eliminação do time do "Mister" da competição europeia antes mesmo da fase de grupos.

A partida marcava a estreia oficial do técnico campeão brasileiro e da Libertadores pelo Flamengo pelo novo clube. 

Assista e leia também:

Neymar volta a falar sobre ofensa racista: 'basta, não cabe mais, chega!

'Sem Espaço para Racismo': Premier League terá novo emblema nas camisas

A derrota ainda teve tons dramáticos. O primeiro gol, aos 18 minutos do segundo tempo, foi contra do zagueiro belga Jan Vertonghen, do Benfica. O segundo do PAOK foi marcado pelo sérvio Andrija Zivkovic, que até a última temporada jogava justamente no Benfica.

Rafael Ferreira descontou para os portugueses nos acréscimos da partida, mas não dava mais tempo.

O PAOK se classificou para a última eliminatória, que começará a ser disputada na próxima semana. Os gregos vão disputar contra o Krasnodar, da Rússia, uma vaga na fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa.

(Edição do texto: Paulo Toledo Piza).