Alex Albon voltará à Formula 1 em 2022 como piloto da Williams

Depois de um ano fora da categoria, piloto tailandês apoiado pela Red Bull foi anunciado como companheiro do canadense Nicholas Latifi na próxima temporada

Alex Albon (D) será companheiro Nicholas Latifi na Williams em 2022
Alex Albon (D) será companheiro Nicholas Latifi na Williams em 2022 Divulgação / Williams Grand Prix Engineering Limited

Alan Baldwinda Reuters

Ouvir notícia

O piloto tailandês Alex Albon, apoiado pela Red Bull, retornará à Fórmula 1 na temporada 2022 como piloto da equipe Williams ao lado do canadense Nicholas Latifi, anunciou a equipe britânica nesta quarta-feira (8).

Albon, de 25 anos, foi piloto de testes e reserva da Red Bull este ano, enquanto também competia no campeonato alemão de carros de turismo (DTM), depois de ser dispensado pela equipe principal da empresa austríaca de bebidas energéticas no final da temporada de 2020.

“Quando você fica um ano fora da F1, nunca é certo que fará um retorno, então estou extremamente grato à Red Bull e Williams por acreditarem em mim e ajudarem em minha jornada de volta ao grid”, disse o piloto, nascido no Reino Unido.

O tailandês ocupará o lugar deixado por George Russell, que se juntará ao heptacampeão mundial Lewis Hamilton na Mercedes em uma formação de pilotos totalmente britânica.

Latifi, por sua vez, disputará sua terceira temporada como piloto da Williams em 2022.

“Estamos extremamente entusiasmados com nossa nova formação, com os dois pilotos trazendo uma grande mistura de juventude e experiência”, disse o chefe da equipe Williams, Jost Capito, em comunicado.

“Alex é um dos jovens talentos mais empolgantes do automobilismo, mas vem com uma grande experiência na F1 de sua época na Red Bull. Seus múltiplos pódios destacam sua velocidade como piloto e sabemos que ele se sentirá imediatamente em casa com a equipe de Grove.”

Tópicos

Mais Recentes da CNN