Atlético-MG vence Athletico-PR com golaço de Zaracho e ganha a 2ª no Brasileirão

Time amplia início perfeito na competição com triunfo jogando fora de casa

Zaracho, do Atlético-MG, comemora seu gol marcado sobre o Athletico durante partida válida pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro realizada na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), na tarde deste domingo
Zaracho, do Atlético-MG, comemora seu gol marcado sobre o Athletico durante partida válida pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro realizada na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), na tarde deste domingo Foto: Vinicius do Prado/Agência F8/Estadão Conteúdo

Leandro Silveiracolaboração para a CNN

Ouvir notícia

A Arena da Baixada costuma ser um dos estádios mais temidos no futebol nacional, mas, ultimamente, o Atlético-MG só tem o que comemorar quando joga lá.

Neste domingo (17), o Galo conquistou a quarta vitória consecutiva no estádio em Curitiba ao derrotar o Athletico-PR por 1 a 0, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Zaracho marcou o único gol da partida, no início da etapa final.

O triunfo foi o segundo do Atlético-MG no Brasileirão, o que deixa o atual campeão nacional com seis pontos, igualado ao Corinthians na liderança, que leva vantagem pelo saldo de gols superior — 5 a 3. Já o Athletico-PR ainda não pontuou no torneio, ocupando a lanterna.

O confronto reeditou, pouco mais de quatro meses depois, a decisão da Copa do Brasil de 2021. Naquela oportunidade, o Galo se deu melhor e, após aplicar goleada de 4 a 0 no Mineirão, deixou a Arena da Baixada com a taça após novo triunfo, por 2 a 1.

Agora, no começo do Brasileirão de 2022, o Atlético-MG voltou a ganhar em Curitiba, repetindo os triunfos no estádio do Athletico-PR nas edições de 2020 e de 2021 do Nacional, ambos também por 1 a 0. Ou seja, são 4 vitórias seguidas na Arena da Baixada.

Primeiro tempo: Times fazem duelo travado e sem muita emoção

No segundo jogo sob o comando de Fábio Carille, sendo o primeiro no Brasileirão, o Athletico-PR foi a campo com duas novidades em comparação ao compromisso de estreia na Copa Libertadores, ambas no setor ofensivo: Vitinho e Marcelo Cirino.

Já no Atlético-MG, o técnico Antonio Mohamed manteve a rotina de rodar o elenco. Além disso, não pôde contar com Hulk, liberado para acompanhar o nascimento da filha. E, nesse cenário, promoveu as entradas de Alonso, Rubens, Ademir e Eduardo Sasha.

Foi, inclusive, com uma dessas novidades que o Atlético quase abriu o placar na Arena da Baixada logo aos 4 minutos, quando Rubens cabeceou por cima da meta do Athetico-PR, completando um cruzamento de Mariano. Mas se o lance perigoso poderia ser um indício de jogo aberto, isso não se concretizou no restante do primeiro tempo.

O Athletico-PR, com uma marcação forte e adiantada, deu poucos espaços ao Galo. E, principalmente, conseguiu ocupar o campo de ataque, ainda que sem ameaçar a meta de Everson.

O jogo, assim, prosseguiu sem muita emoção, um marasmo que só foi interrompido aos 44 minutos, quando Rubens cruzou rasteiro e Nacho finalizou de letra, mas parou no goleiro Bento, na única finalização que foi na direção do gol no primeiro tempo.

Segundo tempo: Gol de Zaracho define jogo

A etapa final na Arena da Baixada começou bem diferente, com o Atlético-MG bem mais atento e presente no campo de ataque. Não demorou muito para o Galo abrir o placar. Aos 4 minutos, Zaracho, do lado direito da grande área, surpreendeu ao bater colocado, encobrindo Bento e fazendo um golaço em Curitiba.

Em vantagem, o Atlético-MG permaneceu no setor ofensivo, tocando a bola e envolvendo a equipe da casa. E quase marcou pela segunda vez aos 11, em mais uma jogada com a participação de Zaracho, que cruzou para Sasha. O atacante cabeceou e forçou Bento a fazer uma difícil defesa.

A partir dos 20 minutos, com as trocas realizadas por Carille, o Athletico-PR enfim conseguiu equilibrar o jogo na sua casa. O time, porém, falhava demais nas finalizações, tanto que mesmo mais defensivo, foi o time mineiro que quase marcou aos 31, com o chileno Vargas, que havia acabado de entrar em campo, finalizando com perigo após passe de Mariano.

Depois, a equipe conseguiu sustentar a vantagem, com Everson só tendo trabalho em um disparo de Marlos, aos 41 minutos, e em uma tentativa do estreante Vitor Roque, aos 49. Mas foi muito pouco para evitar a segunda vitória do Galo e o segundo revés do Athletico-PR neste início de Brasileirão.

Agenda

Os times agora se concentram nos seus jogos de estreia na Copa do Brasil, na próxima quarta-feira (20), às 19H, nos duelos de ida da terceira fase. O Atlético-MG vai receber o Brasiliense, enquanto o Athetico-PR visitará o Tocantinópolis.

No fim de semana, no sábado (23), o Atlético-MG atuará de novo no Mineirão, diante do Coritiba, pela 3ª rodada do Brasileirão. No mesmo dia, o Athletico-PR enfrenta o Flamengo, na Arena da Baixada.

Mais Recentes da CNN