Cruzeiro tem que estar em competições grandes e na 1ª divisão, diz novo técnico

Paulo Pezzolano foi anunciado pelo clube mineiro, nesta segunda-feira (3), após a demissão do técnico Vanderlei Luxemburgo em 28 de dezembro

O uruguaio Paulo Pezzolano chega para comandar a equipe mineira em sua terceira temporada consecutiva na Série B do Campeonato Brasileiro
O uruguaio Paulo Pezzolano chega para comandar a equipe mineira em sua terceira temporada consecutiva na Série B do Campeonato Brasileiro Reprodução/Twitter

Douglas Portoda CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

O novo técnico do Cruzeiro, Paulo Pezzolano, afirmou, nesta segunda-feira (3), em entrevista à Rádio Itatiaia, que chega com muita vontade de trabalhar para que o clube possa disputar novamente competições grandes e conquistar o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro.

“Trago muito compromisso, muita gana para trabalhar, que é o mais importante. Busco muita intensidade nos jogadores, para saberem onde estão. Todos nós sabemos que o Cruzeiro é um clube muito grande e tem que voltar para onde deve estar, em competições grandes, na primeira divisão e lutando por coisas importantes”, declarou Pozzolano.

O uruguaio foi anunciado nesta segunda-feira junto do auxiliar-técnico Martín Varini, do preparador físico Gonzalo Álvarez e do analista de desempenho Matias Filippini.

O movimento acontece após a demissão do técnico Vanderlei Luxemburgo, do auxiliar Maurício Copertino, do diretor técnico Ricardo Rocha e do preparador Antônio Mello em 28 de dezembro.

A justificativa da equipe na ocasião foi de “adequar as contas à realidade orçamentária do clube, a diretoria foi orientada a não renovar com a atual comissão técnica.”

O clube mineiro que vai para sua terceira temporada consecutiva na Série B do Campeonato Brasileiro, teve sua Sociedade Anônima do Futebol (SAF) comprada por Ronaldo Fenômeno em 18 de dezembro e passa por uma reestruturação financeira. Foram adquiridos 90% das ações pelo ex-jogador por R$ 400 milhões.

 

Mais Recentes da CNN