Éder Aleixo: Cuca soube administrar elenco com muitas qualidades e vaidades

Canhão do Galo disse que Cuca já entrou na galeria dos principais nomes da história do clube

Raphael Coraccinida CNN

Ouvir notícia

Com lágrimas nos olhos e a voz embargada, o ex-jogador e ícone do Atlético Mineiro na década de 1980 e 1990 Éder Aleixo ressaltou à CNN o papel do técnico Cuca na condução do time ao bicampeonato brasileiro, conquistado na noite da quinta-feira (3).

Em entrevista nesta sexta-feira (3), o Canhão do Galo elogiou o trabalho do técnico na condução de um elenco cheio de estrelas. Para ele, Cuca esteve entre as peças fundamentais no título.

“É muito difícil, quando o elenco é tão cheio de muitas qualidades e muitas vaidades pessoais, você administrar, e o Cuca sabe fazer isso”, destacou.

O ex-jogador faz parte da comissão técnica do Atlético e disse que desde que voltou ao clube desejava a conquista do Brasileiro, que quase veio em 1980. O Galo havia sido campeão brasileiro em 1971 e depois chegou a cinco vices: 1977, 1980, 1999, 2012 e 2015.

Técnico responsável por quebrar o tabu de 50 anos, Cuca já entrou na galeria dos principais nomes do Atlético Mineiro, disse Éder, depois de somar ao seu currículo pelo Atlético os títulos de campeão brasileiro e da Copa Libertadores, vencida em 2013.

O Atlético pode chegar ainda neste ano ao título da Copa do Brasil e conquistar a tríplice coroa, com o campeonato mineiro, vencido no primeiro semestre.

Mais Recentes da CNN