Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Corinthians segura Newell’s Old Boys na Argentina e vai às quartas da Sul-Americana

    Time paulista administrou vantagem em jogo marcado por má conduta da torcida argentina

    Corinthians empatou em 0 a0 com o Newell's na Argentina
    Corinthians empatou em 0 a0 com o Newell's na Argentina Luciano Bisbal/Getty Images

    Luis Fabianida Itatiaia

    Nesta terça-feira (8), o Corinthians empatou em 0 a 0 com o Newell’s Old Boys, da Argentina, e se classificou às quartas de final da Copa Sul-Americana. O Timão sustentava vantagem por 2 a 1 construída no jogo de ida.

    O duelo foi de dois times com pretensões opostas no duelo. Ciente da desvantagem, a equipe argentina se lançou ao ataque desde os primeiros minutos, abusou dos chutes de fora e dos cruzamentos. O Corinthians, que teve espaços para explorar no contra-ataque, se limitou ao campo de defesa.

    Com isso, o Timão aguarda o vencedor de Goiás e Estudiantes para conhecer seu adversário nas quartas de final da Sul-Americana. Na partida de ida, o time argentino venceu por 3 a 0 em La Plata.

    O Corinthians volta a campo neste domingo (13), quando encara o Coritiba pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro.

    Mistão do Luxa

    O Corinthians não foi com uma escalação inteiramente reserva, aos moldes do que adotou nas partidas contra o Universitario, do Peru, ainda nos playoffs da Sul-Americana. No entanto, algumas das principais peças do time foram preservadas na escalação titular.

    Renato Augusto nem viajou a Rosario e deu sua vaga a Fausto Vera. Nas laterais, os experientes Fagner e Fábio Santos ficaram no banco de reservas, dando lugar a Bruno Méndez e Matheus Bidu, respectivamente. Murillo foi trocado por Caetano na dupla de Gil.

    Olho no chuveirinho!

    Pelo lado do Newell’s, muita dificuldade em furar um bloco sólido da marcação corintiana. Até por isso, não foram poucos os cruzamentos na área, que chegaram a fazer Cássio trabalhar. O goleiro do Timão, inclusive, fez grande defesa em chute de Martino à queima roupa.

    Os escanteios, também, certamente foram muito estudados por Gabriel Heinze. Dois deles encontraram jogadores argentinos livres na grande área, tirando suspiros do torcedor corintiano.

    Confusão nas arquibancadas

    O segundo tempo entre Corinthians e Newell’s Old Boys atrasou seu início em quase dez minutos em relação ao horário previsto. O motivo se deu por uma confusão nas arquibancadas do time argentino, aparentemente, sem participação da torcida corintiana.

    Os times já estavam postados para reiniciar o duelo no gramado quando o goleiro Cássio alegou algum incômodo partindo das cadeiras. A geração de imagens da Conmebol não deu maiores informações sobre o caso.

    Pouca ambição

    Por toda a partida, o Newell’s Old Boys ofereceu espaço ao Corinthians nas transições ofensivas. E por mais que pudesse marcar um gol cedo, o Timão teve postura pouco agressiva e se focou muito mais em se garantir no sistema defensivo.

    As primeiras trocas de Vanderlei Luxemburgo, inclusive, foram neste sentido. Pelo lado esquerdo, o treinador apostou na experiência de Fábio Santos e Ángel Romero, descansando os jovens Matheus Bidu e Wesley no banco de reservas.

    Newell’s Old Boys 0 x 0 Corinthians

    Newell’s Old Boys: Hoyos; Velázquez, Ortíz, Glavinovich (Sordo); Mendez, Cristian Ferreira, Sforza, Gomez (Portillo) e Martino; Recalde (Reasco) e Balzi (Aguirre). Técnico: Gabriel Heinze.

    Corinthians: Cássio; Bruno Méndez, Gil, Caetano e Matheus Bidu (Fábio Santos); Maycon, Fausto Vera e Ruan Oliveira (Giuliano); Adson (Fagner), Wesley (Romero) e Yuri Alberto (Felipe Augusto). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

    Cartões amarelos: Gómez e Glavinovich, do Newell’s Old Boys.

    Motivo: jogo de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

    Data e horário: 8 de agosto de 2023 (terça-feira), às 21h30 (de Brasília).

    Local: Estadio Marcelo Bielsa, em Rosario, na Argentina.

    Árbitro: Andrés Rojas (COL).

    Auxiliares: Dionisio Ruiz e David Fuentes, ambos colombianos.

    Árbitro de vídeo: Jhon Perdomo (COL)

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas