Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Corinthians surpreende Atlético-MG no Mineirão e volta a vencer pelo Campeonato Brasileiro

    Por outro lado, Galo ainda não ganhou sob o comando de Felipão

    Róger Guedes comemora o gol do Corinthians no Mineirão
    Róger Guedes comemora o gol do Corinthians no Mineirão FáBIO BARROS/AGÊNCIA F8/ESTADÃO CONTEÚDO

    Henrique Andréda ItatiaiaLuccas Oliveirada CNN

    Após duas derrotas consecutivas, o Corinthians voltou a vencer pelo Campeonato Brasileiro ao surpreender o Atlético-MG no Mineirão, neste sábado (8), pela 14ª rodada. A vitória por 1 a 0 teve gol de Róger Guedes.

    Artilheiro do time na temporada com 19 gols, o atacante marcou ainda no primeiro tempo, aos 40 minutos, após receber assistência de Yuri Alberto, fintar Mauricio Lemos e bater no canto esquerdo de Everson.

    Do lado do Atlético-MG, o time segue sem vencer desde a chegada do técnico Luiz Felipe Scolari. Em cinco jogos, foram três empates e duas derrotas. Com 20 pontos, o time cai para o 11º lugar e pode perder mais uma posição na rodada.

    Já o Corinthians pula para 14º, com 15 pontos, e abre quatro da zona de rebaixamento.

    Como foi o jogo

    Sem Felipão, Hulk, Zaracho e sem inspiração. Este foi o retrato do Atlético na noite deste sábado (8), no Mineirão. Apesar de algumas tentativas, o time não conseguiu superar o Corinthians e acabou derrotado por 1 a 0.

    Estacionado nos 20 pontos, o Alvinegro está há seis jogos sem vencer na temporada. Neste fim de semana, inclusive, a equipe acabou sendo ultrapassada pelo rival Cruzeiro na tabela. A Raposa venceu o Vasco por 1 a 0, no Rio de Janeiro, e agora tem um ponto a mais que o Galo.

    Próximos jogos

    Na próxima rodada, o Atlético será visitante. Na segunda-feira (17), o time comandado por Felipão terá pela frente o Goiás, na Serrinha. O duelo está marcado para 20h (de Brasília).

    O Corinthians, por sua vez, enfrenta o Grêmio na Neo Química Arena.

    Jejum de vitórias

    Para colar no pelotão de frente da Série A, o Galo precisava da vitória. A última na temporada, inclusive, foi contra o Alianza Lima, no Peru. O jogo da Libertadores aconteceu em 6 de junho, quando o time ainda era comandado por Eduardo Coudet.

    Felipão longe

    Suspenso pelo cartão vermelho recebido no clássico contra o América, o técnico Luiz Felipe Scolari não pôde ir ao Mineirão neste sábado. O regulamento da CBF não permite a presença do comandante in loco.

    Sem o experiente treinador, quem ficou à beira do campo foi o auxiliar Carlos Pracidelli, homem de confiança do gaúcho.

    Sem Hulk

    Outro que não pôde ajudar o time nesta 14ª rodada foi o atacante Hulk. Artilheiro da equipe na temporada, com 21 gols marcados, o camisa 7 também foi expulso contra o Coelho.

    Baixa de última hora

    Outra baixa no Alvinegro foi o meia Matías Zaracho. O argentino foi diagnosticado com lesão muscular na posterior da coxa direita e está sob cuidados do departamento médico do clube.

    Primeiro tempo

    Aos 3 minutos, Edenilson desperdiçou a primeira grande chance do Atlético no jogo. Pegando mal na bola, ele viu o chute sair torto e sair pela linha de fundo.

    Aos 12 minutos, foi a vez do Corinthians quase marcar. O atacante Róger Guedes entrou livre na área, após bobeada da defesa, mas esbarrou no camisa 22. O arqueiro atleticano fez grande defesa e evitou o que seria o primeiro gol do jogo.

    Nos minutos seguintes, os donos da casa seguiram pressionando e finalizando. A bola, contudo, insistia em não entrar; algumas vezes por falta de capricho, outras por falta de pontaria.

    Aos 35 minutos, após linda jogada, limpando três adversários, Pavón chutou forte no canto esquerdo e obrigou Cássio a voar na bola e evitar o tento atleticano.

    Gol do Corinthians

    Aos 39 minutos, Mariano errou passe no meio de campo e ligou o contra-ataque do Corinthians. Yuri Alberto encontrou Róger Guedes. O camisa 10 limpou Maurício Lemos e, num chute preciso, não deu chances a Everson.

    Após o apito para o intervalo, os torcedores vaiaram o rendimento do Atlético nos primeiros 49 minutos de bola rolando no Mineirão.

    Segundo tempo

    Logo na volta, o meia Pedrinho foi acionado na vaga de Mariano. Recuperado de lesão muscular, ele não atuava desde abril.

    Precisando empatar a partida, o Galo partiu para cima e, até os 12 minutos, já havia obrigado o goleiro Cássio a fazer duas intervenções importantes.

    Aos 27 minutos, veio o grito de “quero raça para o time todo” das cadeiras do Mineirão. A sequência de erros de passe e perdas de bola irritou os atleticanos presentes ao estádio.

    Aos 40 minutos, quem teve a chance de empatar o jogo foi Paulinho. De cabeça, o camisa 10 parou no goleiro Corinthiano.

    E o placar seguiu inalterado até o apito final. O Atlético amarga a segunda derrota como mandante no Brasileirão. O Corinthians, por sua vez, conseguiu o segundo triunfo como visitante, em 8 partidas disputadas fora de seu território.

    Atlético-MG 0 x 1 Corinthians

    Atlético: Everson; Mariano (Pedrinho), Jemerson, Mauricio Lemos, Arana (Rubens); Battaglia, Edenilson (Saravia), Igor Gomes (Alisson); Pavón, Paulinho e Alan Kardec (Vargas). Técnico: Carlos Pracidelli.

    Corinthians: Cassio; Fagner, Gil, Murillo, Bruno Méndez e Fábio Santos; Fausto Vera, Gabriel Moscardo (Maycon) e Ruan (Renato Augusto), Roger Guedes e Yuri Alberto. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

    Gol: Róger Guedes, aos 39 minutos do primeiro tempo, para o Corinthians.

    Cartões amarelos: Jemerson, Battaglia, e Mariano (Atlético); Murillo (Corinthians).

    Arbitragem: Rodrigo José Pereira de Lima (PE), auxiliado por Rafael da Silva Alves (RS) e Alex dos Santos (SC).

    VAR: Rafael Traci (SC).

    Motivo: 14ª rodada do Campeonato Brasileiro.

    Data: 8 de julho de 2023 (sábado).

    Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte.

    Público: 21.086 pessoas.

    Renda: R$ 829.717,80.