Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Dorival Júnior será o técnico da Seleção Brasileira

    Treinador deixa o São Paulo após ser campeão da Copa do Brasil

    Ludmila Candalda CNN

    Dorival Júnior será o novo técnico da Seleção Brasileira para o ciclo da Copa do Mundo de 2026. O treinador aceitou a proposta da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e vai deixar o São Paulo.

    O anúncio oficial deve ser feito apenas nos próximos dias, já que a CBF está focada em se despedir do ídolo Zagallo, morto aos 92 anos.

    A CNN confirmou o aceite de Dorival com fontes próximas ao negócio.

    Dorival recebeu garantias da CBF

    O técnico chegou a se reapresentar com o São Paulo para a temporada de 2024 no sábado (6). Antes de aceitar o convite, apreensivo, ele buscava garantias de que teria estabilidade no trabalho, em meio à ebulição política que vive a CBF.

    As tais garantias chegaram neste domingo e, por isso, Dorival já se despede do São Paulo. Ele terá liberdade para montar sua comissão técnica e segurança no cargo.

    É esperado, inclusive, que o treinador participe da escolha do próximo diretor de Seleções da CBF. Ednaldo Rodrigues, presidente da confederação, quer Filipe Luís, ex-Flamengo, que tem ótima relação com Dorival, no cargo.

    Dorival chega após “não” de Ancelotti

    Dorival Júnior será o técnico efetivo da Seleção e sucessor de Tite, atual treinador do Flamengo, que comandou o Brasil nas últimas duas Copas do Mundo (2018 e 2022).

    Entre a saída de Tite e o acerto com Dorival, a CBF fez uso de dois técnicos interinos: Ramon Menezes e Fernando Diniz, que comandaram a Seleção em três e seis partidas, respectivamente.

    Havia uma expectativa de que Diniz seguisse no cargo até a chegada do italiano Carlo Ancelotti, em junho de 2024. O técnico estrangeiro, no entanto, optou por renovar com o Real Madrid, o que forçou a CBF a mudar os planos.

    Multicampeão por Flamengo e São Paulo

    Nas últimas duas temporadas, quando comandou Flamengo (em 2022) e São Paulo (2023), Dorival foi campeão da Libertadores e bicampeão, em edições consecutivas, da Copa do Brasil.

    Aos 61 anos, ele deixa o São Paulo para assumir a Seleção após comandar o time paulista em 54 partidas, com 25 vitórias, 13 empates e 16 derrotas.

    Clubes da carreira de Dorival Júnior como técnico

    • São Paulo
    • Flamengo
    • Ceará
    • Athletico-PR
    • Santos
    • Palmeiras
    • Vasco
    • Fluminense
    • Internacional
    • Atlético-MG
    • Coritiba
    • São Caetano
    • Cruzeiro
    • Sport
    • Avaí
    • Juventude
    • Fortaleza
    • Criciúma
    • Figueirense
    • Ferroviária

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas