Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Sul-Americana: Corinthians perde para Argentinos Juniors, a terceira derrota seguida

    Timão não conseguiu balançar as redes nos últimos quatro jogos

    Lance de Argentinos Juniors 1 x 0 Corinthians
    Lance de Argentinos Juniors 1 x 0 Corinthians Daniel Jayo/Getty Images

    Luis Fabianida ItatiaiaLuccas Oliveirada CNN

    O Corinthians foi derrotado pelo Argentinos Juniors por 1 a 0, nesta terça-feira (23), em Buenos Aires, pela terceira rodada do grupo F da Copa Libertadores da América, e ampliou a má fase.

    O time paulista chega a três derrotas consecutivas, quatro jogos sem vencer e sem marcar gols em nenhum deles.

     

    A vitória do time argentino foi garantida ainda no segundo minuto de partida, com gol de Gastón Verón. Para piorar, o zagueiro Raul Gustavo foi expulso aos 13 minutos do segundo tempo, após agredir um dos bandeirinhas.

    Com 4 pontos no grupo F, o Corinthians segue na segunda posição, mas pode ser ultrapassado pelo Racing-URU, que ainda joga na rodada. O Argentinos Juniors lidera o grupo com 6 pontos.

    Argentinos com time alternativo

    Para enfrentar o Corinthians, o Argentinos Juniors deixou bastante claro que o foco principal do clube não estava na partida desta quarta-feira (23). O técnico Pablo Guede optou por mandar a campo uma escalação alternativa, com somente dois titulares habituais.

    A equipe de Buenos Aires volta seus olhares para a Copa da Argentina, na qual se classificou às semifinais nesta semana. O adversário será o rival Vélez Sarsfield, já neste final de semana.

    Como foi o jogo

    Não deu nem tempo de o Corinthians aquecer e o Argentinos Juniors já mostrava que seria parada dura em Buenos Aires. No primeiro minuto de jogo, a equipe argentina abriu o placar com o atacante Verón.

    A jogada se iniciou com inversão da direita para a esquerda, na qual Fagner não conseguiu interceptar. Verón foi lançado nas costas de Félix Torres e bateu fraco, mas conseguiu superar Cássio e colocar sua equipe à frente no marcador.

    Marasmo

    Em má fase, o Corinthians mostrou no primeiro tempo que as dificuldades ofensivas e defensivas da equipe permaneceram. Mesmo diante de um Argentinos bastante modificado, o Timão sofreu para impor sua proposta de jogo.

    O time de Pablo Guede teve bastante facilidade para controlar a posse de bola e envolver o Corinthians em seu campo de defesa. As únicas estocadas dos brasileiros vieram em ligações diretas para o ataque, facilmente rebatidas pela defesa adversária.

    Novas cartadas

    António Oliveira testou diversas variações para melhorar a performance do Corinthians em Buenos Aires. O treinador português voltou do intervalo com alterações em todos os setores da equipe, influenciando até mesmo no esquema tático.

    Além de Romero como centroavante, algo mais usual no trabalho, o treinador inovou na formação de sua defesa. Fausto Vera foi escalado no segundo tempo para atuar como zagueiro, em uma linha de três com Raniele e Raul Gustavo.

    Indiscutível

    Um cartão vermelho apresentado ao zagueiro Raul Gustavo pegou os corintianos de surpresa no início do segundo tempo. O motivo, inquestionável, só foi perceptível na repetição do lance após alguns segundos.

    Indignado com uma marcação de um lateral contra o Corinthians, Raul Gustavo deu um empurrão em Cláudio Urutia, auxiliar de campo. Ele foi punido com o cartão vermelho de imediato.

    Argentinos Juniors 1×0 Corinthians

    Argentinos Juniors: Diego Rodríguez; Fernando Meza, Erik Godoy, Palacio e Montiel (Prieto); Cardozo, Viveros (Alan Rodriguez) e Gamarra; Batallini, Verón e Heredia (Perello). Técnico: Pablo Guede.

    Corinthians: Cássio; Fagner (Matheuzinho), Félix Torres (Paulinho), Raul Gustavo e Hugo; Raniele, Fausto Vera e Rodrigo Garro; Romero (Cacá), Pedro Henrique (Pedro Raul) e Yuri Alberto (Wesley). Técnico: António Oliveira.

    Motivo: terceira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana.

    Local: Estádio Diego Armando Maradona, em Buenos Aires (ARG).

    Data e horário: 23 de abril de 2024 (terça-feira).

    Árbitro: Piero Maza (CHI).

    Auxiliares: Cláudio Urutia (CHI) e Carlos Poblete (CHI).

    VAR: Jose Cabero (CHI).

    Gols: Verón (1 min 1ºT), para o Argentinos Juniors.

    Cartões amarelos: Fagner (25 min 1ºT), do Corinthians; Veron (38 min 1ºT), Diego Rodriguez (29 min 1ºT), Batallini (7 min 2ºT) e Godoy (8 min 2ºT) do Argentinos Juniors.

    Cartões vermelhos: Raul Gustavo (13 min 2ºT).

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original